Serra 463 anos: município rico em belezas e negócios

O município da Serra vista do alto. - Foto: Divulgação

A Serra completou mais um ano nesse domingo (08) e contou com diversas atividades religiosas e culturais

Um município que atrai negócios e é rico em belezas. Esta é a Serra, que completou 463 anos nesse domingo (08), data em que também é celebrado o Dia de Nossa Senhora da Conceição, padroeira da cidade.

Com área de 551 km², segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a Serra apresenta em seu relevo uma série de lagoas, rios e ondulações em forma de chapadas.

O litoral capixaba fica ainda mais exuberante com as lindas praias localizadas no município. E praia é o que não falta para cidadãos e turistas visitarem. Entre as que se destacam estão: Praia de Jacaraípe, Bicanga e Manguinhos.

A praia de Manguinhos é uma das mais visitadas por turistas. – Foto: Aline Pagotto / Next Editorial

Os negócios também estão muito presentes no município. A Serra dispõe de excelentes opções para abrigar novos empreendimentos em seus polos empresariais. Esses espaços estão integrados à infraestrutura local e ao sistema logístico, viabilizando as mais diversas atividades econômicas.

“Estrategicamente posicionada no Espírito Santo, a Serra tem uma economia diversificada e em crescimento, que corresponde a 16,7% de toda a riqueza produzida no Estado. O município registra o 2º maior Produto Interno Bruto (PIB) do Espírito Santo, entre os 78 municípios”, afirma o prefeito da cidade, Audifax Barcelos.

História

A colonização do município foi iniciada com a fundação da Aldeia de Nossa Senhora da Conceição onde, em 1556, foram alojados os índios de Maracajaguaçu, que vieram da Ilha de Paranapuã, no Rio de Janeiro, sob a orientação do padre Braz Lourenço, conforme recomendação do Donatário da Capitania do Espírito Santo, Vasco Fernandes Coutinho.

A Serra, em 1937. – Foto: Divulgação

Mas antes de 1535 a Serra era habitada pelos Índios Tupiniquins que vivam no litoral. Desta forma, muitos monumentos localizados no município foram erguidos com a mão de obra indígena, como a Igreja e Residência dos Reis Magos, que recebeu uma reforma e foi aberta à visitação neste mês. Veja aqui como visitá-la!

Além disso, a região passou a ser chamada Serra em razão do imponente maciço, o Mestre Álvaro, que se assemelha a uma cadeia de Montanhas, uma serra.

Comemorações

Para celebrar o aniversário da Serra, a prefeitura criou um calendário em que haverá missas e barraquinhas de comidas. Na sexta-feira (6), foi realizada a apresentação da banda Estrela dos Artistas às 21h. No sábado (7), foi o show de forró às 21h30. Já no domingo (8), tem procissão às 18h e show com Diego Fernandes no encerramento das comemorações, às 21h.

Já nesta segunda-feira (9), será realizada uma missa às 19h. Nesse mesmo dia, uma carreta natalina passa pelo local, e contará com a presença do Papai Noel.

Integrante do circuito folclórico, religioso e cultural da Serra, o evento tem o apoio da Prefeitura Municipal da Serra, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer (Setur).

Leia Também:
Conteúdo Publicitário