27.9 C
Vitória
segunda-feira, 17 junho, 2024

Ministro da Educação lança programa de poupança estudantil no ES

Programa “Pé de Meia”, do Governo Federal, foi lançado no Espírito Santo com presença de ministro da Educação, Camilo Santana

Por Robson Maia

Na tarde desta segunda-feira (4), o Governo Federal lançou de forma oficial no Espírito Santo o programa “Pé-de-Meia”, do Ministério da Educação (MEC). O evento, realizado em Vila Velha, contou com a presença do ministro da Educação, Camilo Santana, além do governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB).

- Continua após a publicidade -

O estado capixaba é um dos que aderiram ao programa de poupança do Ensino Médio. A estimativa do Governo do Estado é de que aproximadamente 31 mil estudantes capixabas sejam beneficiados pelo projeto. O investimento, de acordo com Camilo Santana, será de cerca de R$ 90 milhões somente no Espírito Santo.

Ministro da Educação lança programa de poupança estudantil no ES
Investimento no Espírito Santo deverá ser de aproximadamente R$ 90 milhões – Foto por Hélio Filho/Secom

Já em números nacionais, a estimativa do MEC é de que o programa beneficie, neste ano,cerca de 2,5 milhões de estudantes, com investimento de R$ 7,1 bilhões.
Para receber a poupança do Ensino Médio, o aluno não precisará realizar qualquer cadastro. Basta ter CPF e matrícula em série do Ensino Médio público, registrada até dois meses após o início do ano letivo. O benefício, no valor de R$ 200 mensais, é concedido para estudantes de 14 a 24 anos.

O valor mensal pode ser sacado a qualquer momento, além dos depósitos de mil reais ao final de cada ano concluído, mas o estudante só poderá retirar da poupança após se formar no Ensino Médio. Considerando as dez parcelas de incentivo, os depósitos anuais e, ainda, o adicional de R$ 200 pela participação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os valores podem chegar a R$ 9.200 por aluno. Os pagamentos começarão no dia 26 de março.

Durante o lançamento, Santana elogiou as políticas públicas desenvolvidas no Espírito Santo para a juventude e frisou o compromisso do Governo Federal na alfabetização e qualificação do ensino público em todo país. O ministro afirmou que a unidade escolhida para o lançamento do projeto em solo capixaba, a Escola Mário Gurgel, serve como referência de oferta de ensino.

“O Espírito Santo é um exemplo. Estamos fazendo parcerias técnica e financeira. Se a criança não aprende a ler até o segundo ano, vai prejudicando os demais anos e aumenta a evasão. Essa unidade é uma escola modelo, com boa estrutura, com laboratórios e conectividade. É essa escola que queremos para todo o País. Onde os alunos podem sonhar com o futuro. O Brasil tem 70 milhões de brasileiros que não terminaram o Ensino Médio e não queremos isso. Muitos abandonam não por escolha, mas por necessidade. E o Programa Pé-de-Meia veio para dar apoio para que o aluno não desanime”, declarou.

O governador Renato Casagrande comemorou o programa lançado pelo Governo Federal e destacou as ações realizadas pelo governo estadual na melhoria da estrutura das unidades de ensino capixabas.

“Estamos dando mais um passo para que a gente possa permanecer com nossos alunos em sala de aula e cumprir com nossa tarefa, que é de oferecer oportunidades aos capixabas. Temos parcerias importantes com o Governo Federal. Estamos aqui na Escola Mário Gurgel, que foi totalmente reformada e faz parte do nosso programa ‘Escola do Futuro’. Queremos que esse ambiente seja voltado para a inovação. Antes, um quinto dos alunos tinha faltas em mais de 25% das aulas. Hoje, esse índice caiu para 8% com os agentes de integração. Tenho certeza que vamos colher resultados positivos no futuro e também no presente”, afirmou o governador.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA