27.9 C
Vitória
segunda-feira, 17 junho, 2024

Cartórios de Protesto passam a oferecer o “Avise-me”

Presidente do IEPTB-ES fala de novo serviço que acaba com golpes pelo WhastApp.

Por Gustavo Costa

Um novo golpe que está sendo aplicado no Espírito Santo, com golpistas fazendo contato via WhastApp e se passam por representantes dos cartórios de protesto. O estelionatário diz que há um protesto no CPF ou CNPJ da vítima, que tenta resolver a pendência e acaba depositando valores em um pix enviado pelo “representante”.

- Continua após a publicidade -

Para auxiliar a população a não cair em golpes como esse, os Cartórios de Protesto agora contam com um novo serviço, o Avise-me. “Através dele, a pessoa cadastrada recebe alertas via SMS ou e-mail assim que uma dívida for lançada em seu CPF ou CNPJ. Desta forma, a situação pode ser regularizada antes do protesto ser efetivado e ajuda a evitar golpes, porque se houver alguma cobrança em que a pessoa não foi alertada pelo ‘Avise-me’, a chance de ser golpe é grande”, explicou Rogério Lugon Valladão, presidente do Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil – Seção Espírito Santo.

De acordo com Valladão, tem aumentado os registros de tentativas de golpe via WhatsApp utilizando o protesto de títulos. “É importante que as pessoas fiquem alertas e não façam pagamentos sem ter a certeza que é verdadeira”, disse. E com o “Avise-me” a pessoa pode se proteger deste tipo de fraude, desconsiderando qualquer aviso de protesto que não tenha sido feito por SMS ou e-mail. Quando o CPF ou CNPJ é de fato realizado, o devedor é intimado por um tabelião de protesto pessoalmente ou por edital público.  O cadastro pode ser realizado pelo site www.pesquisaprotesto.com.br

Outra forma de evitar prejuízos é entrar em contato com o cartório para consultar a veracidade de uma cobrança de protesto antes de realizar qualquer pagamento. Os cartórios oferecem ainda gratuitamente a consulta do CPF ou CNPJ através do site www.pesquisaprotesto.com.br. Através dele é possível conferir se realmente há ou não algum título protestado no CPF ou CNPJ.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA