29.9 C
Vitória
domingo, 23 janeiro, 2022

Prefeitura da Serra recebe mais de 280 denúncias de aglomeração e comércio irregular

ouvidoria
Foram 284 denúncias realizadas entre 1º de abril e 11 de maio. - Foto: Reprodução

As denúncias foram feitas pelos canais da ouvidoria da prefeitura e correspondem no período de 1º de abril a 11 de maio

Após o decreto estadual assinado pelo governador Renato Casagrande para evitar aglomerações em locais públicos, como lojas, bares e igrejas, a fim de evitar a propagação do novo coronavírus (Sars-Cov-2), a Prefeitura da Serra recebeu denúncias, por meio de seus canais da ouvidoria, sobre locais em que  concentraram um grande número de pessoas.

Entre os dias 1º de abril e 11 de maio, a ouvidoria da prefeitura recebeu 284 notificações de funcionamentos irregulares de estabelecimentos descumprindo os decretos estadual e municipal vigentes à época das denúncias.

A controladora-geral da Serra, Magaly Nunes, informou que as principais denúncias recebidas são relacionadas a ordem, a bares, a lojas e igrejas, respectivamente.

“Uma vez recebida, a denúncia é encaminhada para a Secretaria de Defesa Social, que coordena os trabalhos das equipes de fiscalização da prefeitura. A fiscalização primeiro orienta e, em caso de reincidência, pode notificar e multar o estabelecimento que insistir em agir em desacordo com a orientação sanitária”, disse Magaly.

Como denunciar?

Na Serra, a ouvidoria funciona das 8 às 17h. A denúncia é sigilosa e pode ser feita pelos telefones: 0800 283 9780, (27) 3291-2011 e (27) 99624-0223.

Após esse horário, também é possível acessar o serviço por meio do site: http://transparencia.serra.es.gov.br/eouvidoria.aspx. No canto direito da tela há cinco opções de clique: a cor laranja é para aqueles que desejam fazer reclamações; a cor vermelha é para denúncia; a verde é para elogios; a roxa é para sugestões e a azul, para solicitações de providências.

Caso o munícipe deseje fazer a denúncia que exija fiscalização imediata, a orientação é acionar o 190.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade