20.6 C
Vitória
sábado, 19 junho, 2021

Polícia recua e não descarta assalto na morte de vereador

O vereador, mais conhecido com Marquinhos da Cooperativa, foi morto na última quinta-feira (27) quando voltava de uma confraternização

A Polícia Civil, que tinha descartado a possibilidade de assalto na morte do vereador Marcos Augusto Costalonga, em Presidente Kennedy, agora afirma que todas as hipóteses estão sendo investigada.

A mudança aconteceu após um carro semelhante ao usado no crime ter sido encontrado incendiado em uma estrada na localidade de Monte Belo, no interior de Presidente Kennedy.

O vereador, mais conhecido com Marquinhos da Cooperativa, foi morto na última quinta-feira (27) quando voltava de uma confraternização. O carro em que estava foi fechado por outro veículo com quatro indivíduos.

Marquinhos tentou escapar dos criminosos, que atiraram contra o carro do parlamentar. Ele foi atingido e não resistiu. A mulher e um amigo também foram baleados.

“Até o momento, não há detidos. Entretanto, vale ressaltar que a investigação está em andamento e novas informações surgem à medida que as diligências avançam e, após novas oitivas, a Polícia Civil está considerando todas as linhas de investigação e nenhuma hipótese foi descartada”, informou a Polícia por meio de nota.

Ainda de acordo com a polícia, mais detalhes da investigação não serão divulgados para não atrapalhar as investigações.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade