18.5 C
Vitória
quarta-feira, 3 junho, 2020

Estado receberá sementes melhoradas de cacau

Leia Também

Prazo de pagamento da taxa do Enem é prorrogado

Segundo o Inep, mais de 5,7 milhões de pessoas já tiveram suas inscrições confirmadas. E a expectativa é que 300 mil inscritos paguem a taxa de inscrição do exame.

Venda de veículos novos sobe 11,6% em maio ante abril, diz Fenabrave

Em maio, segundo mês de concessionárias fechadas em vários Estados, as vendas somaram 62,2 mil unidades, alta de 11,6% em relação a abril.

Estado tem mais de 15 mil infectados pela Covid-19

Chegou a 15.151 o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Espírito Santo, segundo o “Painel Covid”.

Viana contará com Guarda Municipal armada

Ao todo, 29 agentes estão sendo treinados para realizar o combate à criminalidade, na segurança do patrimônio público, e a organização do trânsito, conforme explicou o prefeito Gilson Daniel.

Estado quer ampliar produtividade principalmente entre agricultores familiares

A Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) vai distribuir sementes híbridas melhoradas de cacau para produtores do Espírito Santo a partir de 2020. A iniciativa partiu de solicitação feita pela Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca do Espírito Santo (Seag). O estado capixaba é um dos principais produtores de cacau do Brasil e quer aumentar o plantio em mil hectares.

Os produtores interessados serão cadastrados nos próximos meses. Inicialmente, serão distribuídas 500 mil sementes produzidas pela unidade da Ceplac no Pará, que abriga o maior banco de germoplasma de cacau do mundo.

A Ceplac já distribui sementes melhoradas geneticamente para os estados do Amazonas e Pará, onde a produtividade alcança médias superiores às de países reconhecidos como grandes produtores de cacau. A partir da fecundação entre diferentes linhagens de cacaueiro, as sementes híbridas do Pará reúnem 22 combinações híbridas, que podem gerar frutos com cargas genéticas diversas.

Atualmente, os cacauicultores do Espírito Santo utilizam clones de cacaueiros da Bahia. As mudas clonais foram desenvolvidas pela Ceplac para tornar as plantas mais produtivas e resistentes à “vassoura-de-bruxa”, doença que devastou a lavoura cacaueira na Bahia na década de 90.

Segundo o coordenador de projetos da Seag, Ederaldo Panceri, o pedido de sementes foi feito devido ao desenvolvimento das plantas híbridas de cacau no Pará. Além de maior produtividade e diversidade, os cacaueiros de origem seminal atraíram a atenção dos produtores no Espírito Santo por apresentarem maior facilidade de manejo das plantas e produção de propágalos (material de reprodução ou sementes).

“Entendemos que o uso desta tecnologia pode trazer grandes benefícios para nosso estado por estar de acordo com nossas políticas públicas de desenvolvimento e com as diversas entidades que compõem este arranjo produtivo”, disse Panceri na solicitação.

Segundo o coordenador de projetos da Seag, Ederaldo Panceri, o pedido de sementes foi feito devido ao desenvolvimento das plantas híbridas de cacau no Pará.
Cerca de 80% da produção capixaba está concentrada em Linhares (Foto – Divulgação/Agência Linhares)

O coordenador informou que diversos municípios capixabas têm buscado a secretaria com o intuito de receberem sementes de cacau para a expansão dos plantios, principalmente os agricultores familiares. Ele ressaltou ainda a importância socioeconômica e ambiental da cacauicultura, principalmente na composição com outras plantas nas modalidades Cabruca e Sistemas Agroflorestais (SAFs).

O estado do Espírito Santo apresenta atualmente uma área plantada de cacau equivalente a 20 mil hectares. Cerca de 80% da produção capixaba está concentrada no município de Linhares, na Bacia do Rio Doce. Os outros 20% da produção cacaueira estão distribuídos em 40 municípios.

Leia também
Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Venda de veículos novos sobe 11,6% em maio ante abril, diz Fenabrave

Em maio, segundo mês de concessionárias fechadas em vários Estados, as vendas somaram 62,2 mil unidades, alta de 11,6% em relação a abril.

Cooabriel inaugura unidade em Montanha

O objetivo da nova unidade é atender às grandes solicitações de sócios e produtores, além de expandir a cultura do café conilon na região.

Governo publica MP que pode destravar crédito às pequenas e médias empresas

Os bancos já emprestaram mais de R$ 900 bilhões em recursos novos, renovações e suspensão de parcelas de empréstimos.

Parque de iluminação de Vila Velha será modernizado e ampliado

O edital para contratação da empresa que realizará o serviço foi lançado na sexta-feira (29), nos Diários Oficiais do Município, Estado e da União, além de jornais de circulação nacional.

Vida Capixaba

Viana contará com Guarda Municipal armada

Ao todo, 29 agentes estão sendo treinados para realizar o combate à criminalidade, na segurança do patrimônio público, e a organização do trânsito, conforme explicou o prefeito Gilson Daniel.

Novas regras adotadas para o comércio a partir desta segunda-feira (1º)

As novas regras para galerias, centros comerciais, academia, shoppings e restaurantes de Vila Velha foram publicadas no Diário Oficial do município desse domingo (31).

Lugar de homem é na cozinha

A arte de combinar ingredientes e temperos tem atraído mais e mais homens Em restaurantes ou em ambientes domésticos, é cada vez mais comum ver...

Shoppings da Grande Vitória poderão abrir a partir de segunda (1º)

De acordo com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, a decisão foi tomada durante uma reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública do Estado, realizada hoje. 
Continua após publicidade