18.3 C
Vitória
sexta-feira, 1 julho, 2022

Santa Maria de Jetibá terá abastecimento de água ampliado

esbrasil_renato_casagrande_santa_maria_de_jetiba
A ordem de serviço para início imediato das obras foi assinada na sexta-feira (12/11) durante solenidade. (Foto: Secom/Divulgação)

Serão investidos mais de R$ 4,8 milhões no projeto que será realizado em Santa Maria de Jetibá

Por Wesley Ribeiro

O município de Santa Maria de Jetibá, na Região Serrana do estado, terá o sistema de abastecimento de água da cidade ampliado. Serão investidos mais de R$ 4,8 milhões no projeto que vai viabilizar que a captação de água passe a ser feita no Rio Santa Maria da Vitória e não mais no Rio São Sebastião de Cima, que já não tem volume de água suficiente para atender toda a demanda necessária ao longo do ano.

Serão construídas uma nova captação e adutora de água que vão atender a mais de 21 mil moradores de Santa Maria de Jetibá. A previsão é que a obra seja concluída até o final de 2022.

A ordem de serviço para início das obras, que serão realizadas por meio da Companhia Espírito-santense de Saneamento (Cesan), foi assinada pelo governador do Estado, Renato Casagrande, na última sexta-feira, 12/11.

A infraestrutura foi planejada para acompanhar o crescimento populacional e econômico da cidade até 2041. É composto de uma estrutura para captação de água no Rio Santa Maria da Vitória, uma estação de bombeamento e tanques hidropneumático e direcional, além de 2,5 mil metros de adutoras de água, segundo o Governo do Estado.

O abastecimento de água já está universalizado em Santa Maria de Jetibá, que conta com três estações de tratamento de água. O sistema é composto ainda de 70 mil metros de redes que fornecem 1,8 milhões de litros de água todos os dias para uma população de cerca de 12 mil habitantes.

Para o presidente da Cesan, Carlos Aurélio Linhalis (Cael), esse é um importante investimento para garantir a segurança hídrica no município.

“A obra vai atender uma demanda histórica da cidade de Santa Maria de Jetibá. Com a nova captação de água no Rio Santa Maria da Vitória, vamos garantir segurança hídrica, permitindo que o fornecimento de água tratada acompanhe o crescimento populacional e permita o desenvolvimento das atividades econômicas no município, melhorando o fornecimento para hospitais, escolas, indústria, comércio e estruturas turísticas”, explica Linhalis.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade