24.4 C
Vitória
sábado, 4 dezembro, 2021

Olimpíadas de Tóquio: atletas infectados voltam pra casa

Atletas são submetidos a testes e voltam pra casa infectados pelo covid-19

A vésperas do início das Olimpíadas de Tóquio, a Reuters noticia que um membro da delegação da Nigéria está hospitalizado no Japão com covid-19. A emissora de TV Asahi relatou que o indivíduo, um não atleta de 60 anos da delegação nigeriana, testou positivo na noite de quinta-feira (15) no aeroporto com sintomas leves. Ele foi hospitalizado por causa da idade e condições pré-existentes.

Pelo quarto dia consecutivo, a Rússia relatou, nesta sexta-feira, recorde no número de mortes em 24 horas, com 799 óbitos relacionados ao coronavírus. De acordo com a Reuters, também foram reportados 25.704 novos casos da doença.

Hoje, a Indonésia também informou um aumento recorde de 1.025 mortes de covid em 24 horas. A Reuters diz que o país do sudeste asiático também relatou 54 mil novas infecções por coronavírus.

Na recuperação sobre os efeitos da pandemia, nesta sexta-feira, segundo afirmou o presidente da China, Xi Jinping, o país forneceu mais de 500 milhões de doses de vacinas a outros países em desenvolvimento e fornecerá outros US$ 3 bilhões em ajuda nos próximos três anos para apoiar as respostas nacionais contra a covid-19 e a recuperação econômica e social em outros países em desenvolvimento. De acordo com ele, a China também financiou a fundação de um fundo para a Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (APEC) no combate à doença e recuperação econômica.

Xi ainda disse que a nação asiática apoia a renúncia dos direitos de propriedade intelectual sobre as vacinas e trabalhará com outras partes para pressionar por uma decisão rápida da Organização Mundial do Comércio (OMC) e outras instituições internacionais, conforme relata o Global Times.

Com informações de Agência Estado 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade