21 C
Vitória
sexta-feira, 19 abril, 2024

Aprovada a criação do Fundo Municipal de Cultura da Serra

O Projeto de Lei nº 70/2020 vai fomentar a produção e circulação de produtos e serviços que usem conhecimento e a produção cultural e artística local, bem como incentivar as artes e a produção intelectual e promover a criatividade e o capital cultural tradicional e contemporâneo do município

Os vereadores da Câmara Municipal da Serra aprovaram por unanimidade nesta quarta-feira (8), o Projeto de Lei nº 70/2020, do executivo municipal, que dispõe a criação do Fundo Municipal de Cultura da Serra.

Vinculado à Secretaria Municipal de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, a lei denominada “Comendador Paulo Negreiros”, visa a fomentar a produção e circulação de produtos e serviços que usem conhecimento e a produção cultural e artística local, bem como incentivar as artes e a produção intelectual e promover a criatividade e o capital cultural tradicional e contemporâneo do município.

- Continua após a publicidade -

Além disso, vai capitar recursos financeiros em diversas esferas de atuação e regulamentação municipal para atender os fomentadores de cultura na prerrogativa de pessoa física, micro e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações culturais comunitária, bem como centros culturais.

Sessão Serra
Os vereadores da Serra durante a sessão. – Foto: Divulgação

Para o vereador Rodrigo Caldeira, presidente da Câmara, a criação do Fundo Municipal de Cultura é muito importante. “O setor cultural é um dos mais impactados pela pandemia do novo coronavírus, já que foi um dos primeiros a parar e, provavelmente, será um dos últimos a retomar as atividades”, afirmou.

O vereador Roberto Catirica defendeu que a criação do Fundo será um marco para a cultura do município de Serra. Já a vereadora Quélcia apontou a necessidade de se ter na Serra uma Secretaria de Cultura.

Homenagem

A Lei nº 70/2020 foi criada por meio da Emenda nº 4/2020, de autoria do vereador Roberto Catirica. Denominada “Comendador Paulo Negreiros”, é uma homenagem póstuma ao poeta e escritor Paulo Roberto Ribeiro Walter de Negreiros, que residia em Nova Almeida.

Negreiros foi membro da Academia de Letras e Artes da Serra, além de participar ativamente como diretor de entidades como Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo e Associação dos Artistas Plásticos da Serra (Artplas). O homenageado faleceu no dia 19 de novembro de 2019, aos 66 anos, em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA