26 C
Vitória
quinta-feira, 11 agosto, 2022

ES Brasil entrevista: Márcio Ferreira – Expectativas do setor cafeeiro

O café produzido no Estado, em sua maioria, fica no país, segundo presidente do Centro de Comércio do Café de VItória (CVV), Márcio Candido Ferreira. Foto: Divulgação

Representante do setor cafeeiro capixaba, Márcio Candido Ferreira, fala sobre as exportações e a expectativa para a safra 2022

Por Amanda Amaral

O Estado é o segundo maior produtor de café do Brasil. O produto se destaca como o principal da agricultura capixaba, agregando cada vez mais valor em sua cadeia produtiva e projetando o Espírito Santo para o mercado internacional.

Contudo, nos últimos três anos, muita coisa mudou no contexto das relações comerciais entre os países, influenciando o preço das commodities. Restrições sanitárias em razão da pandemia da Covid-19, o conflito no leste europeu e fortes eventos climáticos. Como o setor cafeeiro tem reagido a este cenário e as mudanças no mercado?

Setor cafeeiro

Para falar sobre esta questão e sobre as perspectivas para a safra 2022, a ES Brasil entrevistou o presidente do Centro de Comércio do Café de Vitória (CCCV), Márcio Candido Ferreira, que também é diretor comercial da Tristão Comércio Exterior Ltda e conselheiro do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil.

Na entrevista, ele comenta sobre o fato do café colhido no Espírito Santo hoje ser vendido para o mercado interno e das dificuldades encontradas pelo setor cafeeiro após eventos climáticos como a seca e a geada, além das mudanças no mercado internacional. 

 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade