24.4 C
Vitória
domingo, 19 maio, 2024

Cooabriel anuncia investimentos e feira em São Gabriel da Palha

Previsão é de que investimentos da ordem de R$ 20 milhões sejam feitos neste ano

Por Gustavo Costa

Considerada a maior cooperativa de café conilon do país, a Cooperativa Agrária dos Cafeicultores de São Gabriel (Cooabriel) anunciou que, à exemplo do que aconteceu no ano passado, 2024 também deve ser de investimento para o desenvolvimento do setor.

- Continua após a publicidade -

A expectativa da cooperativa é de que R$ 20 milhões sejam investidos neste ano, assim como aconteceu em 2023. Embora o planejamento para este ano ainda tenha que ser submetido à aprovação dos cooperados durante a Assembleia Geral Ordinária, que acontecerá no fim deste mês de março, as obras de infraestrutura tanto no Espírito Santo quanto na Bahia já estão aprovadas.

Uma das áreas que deve ganhar recursos é a logística de armazenagem de adubos. Para o superintendente geral da Cooabriel, Carlos Augusto Pandolfi, estão previstas mudanças no recebimento e entrega dos produtos. “Estamos adequando nossas estruturas para que comportem o grande volume de negociação que é realizado hoje pela cooperativa”, falou ele.

Os investimentos são necessários, já que capacidade atual de armazenagem da entidade não dá conta do volume de insumos negociados. Além da unidade de São Gabriel, que já começou a ser ampliada, a expectativa é que obras sejam feitas em São Mateus, Governador Lindenberg, Montanha, Vila Pavão, Nova Venécia e Camacã (Bahia).

A armazenagem de café, aliás tem sido um desafio logístico para a cooperativa, que deverá passar das 1,7 milhão de sacas atuais para 2 milhões após as obras. Para isso, as unidades em Boa Esperança e Vila Pavão serão aumentadas, além da unidade localizada na cidade baiana de baiana.

Feira de agronegócios vem aí

Mas nem só de obras será o ano da entidade, que já anunciou, para 25 a 27 de julho, a sua 4ª Feira de Agronegócios, que movimentará São Gabriel. Na edição do ano passado, o evento reuniu mais de 17 mil pessoas, resultando em negócios da ordem de R$ 227 milhões.

Para 2024, a feira deverá contar com 100 estandes, com as novidades de marcas nacionais e internacionais multinacionais, produtos e tendências para o setor. “Planejamos uma estrutura um pouco maior nesta edição, abrindo espaço para que possamos trazer mais expositores, tecnologias e tendências do setor, oferecendo aos nossos cooperados e aos produtores da região mais conforto e comodidade”, explicou Pandolfi.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA