18.5 C
Vitória
quarta-feira, 3 junho, 2020

Chega Mais e Andaraí se destacam no Carnaval de Vitória

Leia Também

Prazo de pagamento da taxa do Enem é prorrogado

Segundo o Inep, mais de 5,7 milhões de pessoas já tiveram suas inscrições confirmadas. E a expectativa é que 300 mil inscritos paguem a taxa de inscrição do exame.

Venda de veículos novos sobe 11,6% em maio ante abril, diz Fenabrave

Em maio, segundo mês de concessionárias fechadas em vários Estados, as vendas somaram 62,2 mil unidades, alta de 11,6% em relação a abril.

Estado tem mais de 15 mil infectados pela Covid-19

Chegou a 15.151 o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Espírito Santo, segundo o “Painel Covid”.

Viana contará com Guarda Municipal armada

Ao todo, 29 agentes estão sendo treinados para realizar o combate à criminalidade, na segurança do patrimônio público, e a organização do trânsito, conforme explicou o prefeito Gilson Daniel.

Mesmo com os ataques que aconteceram nessa sexta-feira (14) e a chuva que atingiu o Sambão do Povo, capixabas não deixaram de ir assistir aos desfiles

Nem a chuva, nem os incidentes que ocorreram na manhã dessa sexta-feira (14) atrapalharam os desfiles das escolas de samba. Este foi o segundo dia do Carnaval de Vitória 2020, em que o Grupo A apresentou o seu melhor, almejando subir ao grupo especial.

As arquibancadas estavam um pouco vazias, mas os camarotes, sem dúvidas, eram os locais mais visitados e animados. Por lá, era possível encontrar muita música, alegria e torcida pelas escolas favoritas.

O prefeito de Vitória, Luciano Resende, disse que desde que assumiu o cargo os desfiles cresceram muito e elogiou todas as escolas presentes. “Este é meu último ano de desfiles à frente da Prefeitura de Vitória. Há oito anos acompanho estes trabalhos  e sei que este é o terceiro maior espetáculo do país. O turismo é privilegiado, com ampla divulgação, e gera milhões de empregos”, afirmou.

A jornalista Danielle Ewald destacou que o local estava repleto de gente bonita e muita alegria. “Em relação ao último ano estava mais vazio, mas as pessoas que foram assistir aos desfiles saíram de lá maravilhadas, tenho certeza. Valeu a pena!”, contou.

es brasil_pega no samba
A Pega no Samba levou o colorido e a animação ao Sambão do Povo. – Foto: Leonardo Silveira

Pega no Samba

A primeira escola a desfilar foi um show a parte. Em 2019, após deixar o grupo especial por problemas de harmonia, a agremiação fez bonito na avenida, com o samba enredo “Viva e deixe -me viver, intolerância jamais o Pega pede paz”.

Com 1.2 mil componentes e três carros alegóricos, a escola de Consolação, em Vitória, pediu paz na avenida em meio a tanta alegria. A escola excedeu cerca de 1 minuto da apresentação.

es brasil_chega mais
A Chega Mais trouxe Luz Del Fuego como destaque. – Foto: Carlos Antolini

Chega Mais

A escola trouxe várias surpresas para o Sambão do Povo. As escolas das comunidades do Morro do Quadro e Santa Teresa, em Vitória, homenagearam a cachoeirense Dora Vivácqua, mais conhecida como Luz Del Fuego.

Neste ano, a agremiação completa 40 anos levando à avenida o samba-enredo “Divina Luz”, na qual levou 1,2 mil componentes em 17 alas a cantar com orgulho e alegria por toda a avenida.

A atriz e cantora Rita Cadillac foi o destaque da escola representando Luz Del Fuego na avenida. Ela estreou na avenida capixaba desfilando pela Chega Mais e contou a importância de representar uma mulher tão forte e aclamada.

“Pra mim foi uma honra, pois atuei como a Luz Del Fuego no teatro no ano retrasado, e a família Vivácqua que me indicou à escola para representá-la na escola. Só tenho a agradecer o convite”, disse Rita.

es brasil_andarai
A Andaraí contagiou todo o público com sua bateria espetacular. – Foto: Leonardo Silveira

Andaraí

Com 1,3 mil componentes e 22 alaas, a Andaraí homenageou um dos maiores símbolos da cultura capixaba: a cachaça. A agremiação demorou cerca de cinco minutos para sair da avenida, mas ainda acredita que conseguirá subir para o Grupo Especial, que desfila neste sábado (15).

A escola estava encantadora, com muitas alegorias e alegria. Os componentes arriscaram o “samba no pé” e entoaram o samba enredo “Na pancada da “marvada”…”pinga”.

es brasil_rosas de ouro
O samba e congo foram as apostas da Rosas de Ouro. – Foto: Leonardo Silveira

Rosas de Ouro

Uma das escolas que mais teve orgulho de ir à avenida foi a Rosas de Ouro. Da Serra, a agremiação levou o samba-enredo em que conta a história da África no município, celebrando a chegada do Congo, entre outras coisas.

A escola chegou à avenida com 1,1 mil componentes distribuídos em 16 alas, mas apresentou problemas durante o desfile. Parte da estrutura caiu na hora em que passavam pelos jurados, mas ninguém se feriu. Ainda assim, o glamour não foi perdido.

es brasil_chegou o que faltava
Sorte ou azar foi o tema místico da Chegou o Que Faltava. – Foto: Leonardo Silveira

Chegou o que Faltava

Esta foi a quinta escola a desfilar, e a mais mística, sem dúvidas. Com o samba-enredo “Que Comecem as Apourar títulostas: Sorte Ou Azar, Só O Tempo Dirá”, apostou na sorte ao colocar patuás, figas e trevos no seu samba.

Uma das partes de um carro alegórico caiu sobre um integrante, mas não houve ferimentos. Além disso, a escola de Goiabeiras, em Vitória, fez bonito com seus 1,8 mil integrantes distribuídos em 16 alas.

es brasil_barreiros
O casal de mestre-sala e porta-bandeira da Unidos de Barreiros eram só sorrisos. – Foto: Leonardo Silveira

Unidos de Barreiros

A Magia do Tempo foi o samba-enredo levado à avenida pela Unidos de Barreiros, de Saão Cristóvão, em Vitória. A escola fez um resgate em sua história e em meio aos 15 carros alegóricos, a escola almeja subir ao Grupo Especial.

A escola excedeu o tempo máximo, de 10 minutos, para sair da avenida, mas ainda assim estava tudo muito lindo e os componentes emocionados.

es brasil_mocidade da praia
A Mocidade da Praia levou à avenida o tema “Um Mundo Azul” abordando a diversidade das pessoas com autismo. – Foto: Leonardo Silveira

Mocidade da Praia

A escola da Praia do Canto, em Vitória, foi a última a desfilar, por volta das 5h30 da manhã. A escola levou à avenida o samba-enredo “Um Mundo Azul”, abordando a diversidade das pessoas que possuem autismo e encantou os presentes.

Além disso, integrantes da escola acreditam que a claridade foi um desafio, mas não tirou o encanto e o brilho de todas as suas alegorias.

Confira mais fotos do segundo dia do Carnaval de Vitória 2020:

Fotos: Leonardo Silveira e Carlos Antolini

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Venda de veículos novos sobe 11,6% em maio ante abril, diz Fenabrave

Em maio, segundo mês de concessionárias fechadas em vários Estados, as vendas somaram 62,2 mil unidades, alta de 11,6% em relação a abril.

Cooabriel inaugura unidade em Montanha

O objetivo da nova unidade é atender às grandes solicitações de sócios e produtores, além de expandir a cultura do café conilon na região.

Governo publica MP que pode destravar crédito às pequenas e médias empresas

Os bancos já emprestaram mais de R$ 900 bilhões em recursos novos, renovações e suspensão de parcelas de empréstimos.

Parque de iluminação de Vila Velha será modernizado e ampliado

O edital para contratação da empresa que realizará o serviço foi lançado na sexta-feira (29), nos Diários Oficiais do Município, Estado e da União, além de jornais de circulação nacional.

Vida Capixaba

Viana contará com Guarda Municipal armada

Ao todo, 29 agentes estão sendo treinados para realizar o combate à criminalidade, na segurança do patrimônio público, e a organização do trânsito, conforme explicou o prefeito Gilson Daniel.

Novas regras adotadas para o comércio a partir desta segunda-feira (1º)

As novas regras para galerias, centros comerciais, academia, shoppings e restaurantes de Vila Velha foram publicadas no Diário Oficial do município desse domingo (31).

Lugar de homem é na cozinha

A arte de combinar ingredientes e temperos tem atraído mais e mais homens Em restaurantes ou em ambientes domésticos, é cada vez mais comum ver...

Shoppings da Grande Vitória poderão abrir a partir de segunda (1º)

De acordo com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, a decisão foi tomada durante uma reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública do Estado, realizada hoje. 
Continua após publicidade