27.6 C
Vitória
terça-feira, 2 março, 2021

Chuvas: a prevenção é a melhor forma de evitar tragédias

Mais Artigos

O que esperar do mercado imobiliário em 2021

Com a taxa de juros em seu patamar mais baixo da história, as pessoas continuam buscando ativos reais, a exemplo dos imóveis, porque é...

Foto: Divulgação Defesa Civil

Por André Rocha

No início de 2020, moradores de vários municípios do Sul do Espírito Santo sofreram com as chuvas, em especial Iconha. Famílias ilhadas, vidas perdidas e incontáveis prejuízos materiais marcam essas ocasiões, difíceis de serem esquecidas.

Um ano depois, habitantes afetados ainda se recuperam dos prejuízos. Neste início de 2021, já temos visto alguns estados, inclusive o nosso, afetados pelas fortes chuvas. Mas como evitar que episódios como esses estejam associados a tantas tragédias?

A resposta para essa pergunta começa quando entendemos como uma enchente acontece. Vários fatores influenciam, e um dos que mais podem gerar impacto, além do volume das chuvas, é a ação humana.

A falta de vegetação, principalmente em áreas íngremes como morros, potencializa a quantidade de água que vai para os rios. O solo exposto possibilita, ainda, o carreamento de terra para os leitos causando o assoreamento.

Para que as cidades consigam viver e retomar os seus investimentos sem o medo de outras catástrofes, é necessário avaliar a vulnerabilidade da sua população. Isso porque a chuva e os episódios de enchentes ocorrem periodicamente. No entanto, um ponto chave para o desastre é a ocupação desordenada.

O planejamento urbano – na verdade, a falta dele – é o principal problema, já que este orienta, ou deveria, quanto às áreas mais afetadas por esses eventos. Soma-se, ainda, a suscetibilidade das edificações, ou seja, se elas estão preparadas para receber eventos extremos.

Nas grandes cidades, a falta de saneamento e o descarte de resíduos feito de forma incorreta contribuem para que as enchentes aconteçam ou se agravem. Segundo dados do Sistema Único de Saúde (SUS) compilados pelo jornal O Globo, 2.572 pessoas morreram devido a inundações no País de 1996 a 2016.

Cada região possui suas necessidades específicas, levando em conta as condições geográficas e habitacionais. Obras de macrodrenagem, reflorestamento da bacia hidrográfica, planejamento urbano para coibir ocupação de áreas de risco, elaboração e execução de um Plano Municipal de Contingência para Desastre e Emergência são medidas que precisam ser adotadas pelo poder público, de acordo com a demanda e a urgência de cada região.

Evitar desastres oriundos de eventos naturais, ou pelo menos minimizar seus efeitos, é responsabilidade de todos. Missão que vai desde o descarte adequado do lixo doméstico até uma gestão de riscos eficiente. Diante de tais tragédias, não se pode apontar um único culpado e tampouco responsabilizar a natureza, que tem, por dom, papel fundamental à vida humana.

André Rocha é Engenheiro Ambiental e Especialista em Gestão de Riscos

ES Brasil Digital

ESBrasil-185
Continua após publicidade

Fique por dentro

Mais R$ 100 milhões para linha de capital de giro emergencial

A linha de crédito tem taxas a partir de 0,32% ao mês + CDI, sendo a taxa máxima de até 0,64% ao mês + CDI.

Condições de financiamento não serão restringidas prematuramente, diz BCE

A dirigente frisou a importância de fornecer apoio a pequenos negócios em meio à crise gerada pela pandemia de covid-19 Por Iander Porcella (AE) A presidente...

Com mudanças no Bradesco, áreas do Next são fatiadas

As novas áreas se somam às que já estavam sob seu escopo e que incluem relações com investidores, e corretoras, incluindo a Ágora, e...

Gasolina e diesel mais caros nas refinarias a partir desta terça-feira (1º)

O valor acumulado de aumento registrado em 2021 nas refinarias chega a 42% na gasolina e a 34% no diesel.

Vida Capixaba

Veja 8 passos para comprar a casa própria

A principal orientação é reduzir gastos e poupar um valor predeterminado todos os mese

Digitalização no mercado automotivo impacta a experiência do motorista

O Coronavírus provocou uma mudança sem precedente, obrigando diferentes setores a adotarem soluções digitais rapidamente

Continuidade no home office acende alerta para má alimentação

Nutricionista sugere que quem estiver trabalhando em casa pode tirar um dia para preparar pratos para a semana

Casa de praia, campo e cidade: que revestimento escolher?

Assim como roupas são capazes de expressar o estilo de cada pessoa, um revestimento é responsável por indicar o mood do lar