18.3 C
Vitória
domingo, 14 DE julho DE 2024

Ales discute PL que incentiva uso de bicicleta para ir ao trabalho

Proposta de Camila Valadão cria Selo Empresa do Amigo Ciclista; Uso da bicicleta é uma das apostas para solução de questões ambientais

Por Robson Maia

A Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) discute um Projeto de Lei (PL) que cria o Selo Empresa Amiga do Ciclista, distinção destinada a empresas que incentivarem e criarem condições materiais para que seus funcionários utilizem a bicicleta como meio de transporte. A medida, de autoria da deputada Camila Valadão (Psol), tem o objetivo de fomentar o uso de transportes ecológicos.

- Continua após a publicidade -

Segundo a proposta, estão aptas para receber o Selo Empresa Amiga do Ciclista, a ser regulamentado pelo Poder Executivo, o estabelecimento empresarial que cumprir uma série de requisitos.

A proposta estipula como pontos o incentivo a funcionários e clientes para a utilização da bicicleta como meio de transporte, implementação de infraestrutura no estabelecimento, como bicicletário, cujas vagas devem ser no mínimo 20% do total oferecido para automóveis, além de vestuário com capacidade compatível com o fluxo de funcionários e clientes.

A autora da proposição justifica a necessidade em se adotar a bicicleta como veículo de deslocamento urbano diante do crescimento populacional, da verticalização das cidades, das emergências climáticas e das crises econômicas. Para a deputada, a medida vai propiciar a democratização dos espaços públicos, melhoria da qualidade de vida da população, redução de circulação de veículos poluentes e propiciar a segurança de ciclistas e pedestres.

“A bicicleta se mostra como um modal a ser considerado como prioridade, visto que investir na cultura da bicicleta nas cidades é investir em um modo de locomoção energeticamente limpo, sanitariamente seguro, bom para a saúde das pessoas e eficiente tanto do ponto de vista ambiental quanto logístico”, defende Valadão.

A matéria foi lida em plenário e tramita nas comissões de Constituição e Justiça; de Infraestrutura e Mobilidade Urbana; e de Finanças.

Estado tem recebido investimentos na malha cicloviária

Com discurso alinhado à renovação dos modais de transporte, sobretudo no quesito ambiental, diversos investimentos têm sido realizados no Espírito Santo. As grandes obras estruturantes entregues no Estado, como o novo Complexo Viário de Carapina, Leitão da Silva e intervenções na Terceira Ponte, contam com corredores exclusivos para ciclistas.

Atualmente, malha cicloviária da Grande Vitória possui cerca de 218 km. Nos últimos 5 anos, o trajeto recebeu um incremento de quase 50 km em extensão.

Governo contabilizou quase 100 mil acessos a Ciclovia da Paz

Ales discute PL que incentiva uso de bicicleta para ir ao trabalho
Terceira Ponte recém-ampliada e Ciclovia da Vida – Foto: Bibico Dantas

Inaugurada no fim de agosto, a Ciclovia da Paz, anexa à Terceira Ponte, tem registrado bons números. Segundo dados divulgados pela Secretaria de Mobilidade Urbana e Infraestrutura, quase 100 mil pessoas utilizaram o espaço, uma média de 1.853 mil acessos à via por dia.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA