Plataforma para detecção de fake news é desenvolvida pela USP

Foto: Divulgação / USP

A plataforma possibilita checar se uma notícia é falsa ou verdadeira está em fase de testes e aperfeiçoamento  

A Universidade de São Paulo (USP) em parceria com a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) desenvolveu uma plataforma que ajudará a verificar as informações falsas, as chamadas fake news, que circula pela internet.

O professor do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos e pesquisador do Núcleo Interinstitucional de Linguística Computacional (NILC),  Thiago Pardo, disse que a plataforma está em fase de testes e aperfeiçoamento, mas já é possível acessá-la gratuitamente via web ou pelo WhatsApp.

“O sistema identifica, com 90% de precisão, notícias que são totalmente verdadeiras ou totalmente falsas. As pessoas que propagam fake news costumam embasar suas mentiras em fatos verdadeiros. Nossa plataforma ainda não tem a capacidade de separar as informações com esse nível de refinamento, mas estamos trabalhando para isso”, ponderou o professor.

Rapazes verificam as informações por meio do aparelho celular. – Foto: Divulgação/USP

Para ter acesso à ferramenta pelo WhatsApp, por exemplo, basta acessar este link: https://otwoo.app/nilc-fakenews pelo smartphone. Automaticamente, uma janela de troca de mensagens do aplicativo se abrirá e a mensagem “Nilc-FakeNews” aparecerá na tela. Basta apertar a tecla enviar e, imediatamente, aparecerá a mensagem: “Olá! Seja bem-vindo ao detector de fake news do NILC-USP – Detecção Automática de Notícias Falsas para o Português!”

O sistema utilizará o modelo de detecção para avaliar se a notícia é falsa ou verdadeira. Insira o trecho de uma notícia e em seguida aparecerá a mensagem: ”Pronto, você acabou de acessar o sistema de verificação!”. Após a mensagem, insira a notícia que deseja checar. Se forem verificados indícios de fake news, o sistema alertará: “Essa notícia pode ser falsa. Por favor, procure outras fontes confiáveis antes de divulgá-la”.

Após cerca de 20 minutos sem uso, é necessário reativar o acesso ao sistema. Para isso, basta digitar a palavra “fake” e clicar em enviar. Você receberá novamente a mensagem “Olá! Seja bem-vindo…”. Em seguida, pode colar outra notícia e enviá-la para checagem.

 

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!