22.9 C
Vitória
segunda-feira, 17 junho, 2024

Wanderson Bueno destaca investimentos de quase meio bilhão em Viana

Prefeito de Viana anuncia, em entrevista, que a cidade terá o mercado municipal mais inovador do Espírito Santo

Por Kebim Tamanini

Em entrevista na tarde desta terça-feira (08/08) a ES Brasil, o prefeito de Viana, Wanderson Bueno, destacou os investimentos que a cidade vem recebendo do Governo do Estado e de outros parceiros, que chegam próximo de R$ 500 milhões.  Na ocasião, o chefe do Executivo Municipal enfatizou a conclusão de 300 obras realizadas na cidade em apenas dois anos e sete meses.

- Continua após a publicidade -

Os problemas decorrentes das grandes chuvas que caíram sobre o município no final de 2022 e obrigaram o prefeito a decretar estado de calamidade vêm recebendo investimentos milionários para sua solução. Segundo Bueno, a meta é até o final de 2024 ter realizado drenagem e pavimentação de 100% da cidade. O aporte financeiro gira em torno de R$ 70 milhões. 

Wanderson Bueno também anunciou que Viana terá um mercado municipal, em uma área de 30 mil metros quadrados, e que este será um equipamento inovador, jamais visto no Espírito Santo. Confira a seguir a íntegra da entrevista do prefeito de Viana.

1 – A cidade tem recebido grandes investimentos em mobilidade urbana. Uma das principais obras atualmente é a do Contorno. Existem pontos estratégicos que irão beneficiar a cidade?

Wanderson Bueno: A ideia é desenvolver essa região da cidade, pois nós temos vocação logística e estamos recebendo muitos empreendimentos. Isso ajuda a expansão para essa outra região, que hoje ainda não é explorada, e também auxilia no agroturismo. Nessa mesma área do Contorno estamos desenvolvendo o primeiro polo de cervejarias artesanais no Brasil, visando a trazer um turismo de experiência para o local, e tendo essa obra do Contorno estabelecida, isso nos auxilia bastante na mobilidade para o turista que quer vir à cidade.

Prefeito anuncia, em entrevista, que a cidade terá o mercado municipal mais inovador do Espírito Santo
Wanderson Bueno afirma que meta é até o final de 2024 ter realizado drenagem e pavimentação de 100% da cidade. Foto: Júlio Victor

2 – Existe alguma outra obra para a qual a prefeitura está buscando captar verbas para realizar? Em entrevista no ano passado o senhor disse que mais de R$100 milhões seriam investidos em obras de drenagem, pavimentação, reforma e construção de escolas e unidades de saúde. Esses investimentos estão sendo feitos?

Wanderson Bueno: Com relação à questão da mobilidade, temos investimentos importantes no plano de macrodrenagem da cidade. Um exemplo claro de melhoria aconteceu no Córrego Ribeira, que já recebeu R$ 10 milhões em investimentos e deve receber outros quase R$ 60 milhões nas próximas etapas. Outro caso é a dragagem da Bacia do Rio Formate, que também vai ajudar com relação a esse problema. No contexto local, existe um programa chamado “Minha Rua Melhor”, em que realizamos o tratamento das vias públicas de Viana.

Nossa gestão tem a meta de drenar e pavimentar 100% da cidade até o ano que vem. A meta inclui pavimentar 200 ruas, e quase 10 mil pessoas serão beneficiadas com esses investimentos. Provavelmente seremos uma das poucas cidades capixabas a entregar 100% dessa infraestrutura que é tão importante e necessária. Com o programa, foram investidos quase R$ 100 milhões nesse primeiro ciclo.

3 – Qual a previsão de conclusão dessas obras?

Wanderson Bueno: A meta é que até o final do próximo ano, em 2024, tenhamos cumprido os 100% do objetivo.

4 – Viana vem sofrendo nos últimos anos com as chuvas, principalmente no bairro Universal. Existe algum projeto específico para esse bairro, para diminuir os impactos aos moradores?

Wanderson Bueno: A fase de macrodrenagem do Córrego do Ribeira já foi realizada. A obra já aconteceu na comunidade de Ipanema, em seguida no bairro Universal, sendo finalizada no Parque do Flamengo, na saída da rodovia. Dentro do bairro Universa também já foi executada toda a obra de infraestrutura, com investimentos de quase R$ 11 milhões nessa primeira etapa. O grande problema do bairro Universal hoje é o estrangulamento que existe na passagem da rodovia. Existe uma passagem estreita e está prevista nas próximas etapas a abertura dessa passagem, para que não haja retenção dessas águas em casos de grandes índices de chuva.

5 – Atualmente, quem é o principal parceiro da prefeitura de Viana em relação a investimentos?

Wanderson Bueno: O Governo do Estado. A atual gestão municipal tem dois anos e sete meses na administração. E, nesse período, fizemos R$170 milhões em investimentos concretizados na cidade. Quando falo de investimentos, falo de infraestrutura de macrodrenagem e saneamento básico. Investimos cerca de R$ 42 milhões em universalizar a coleta e tratamento de esgoto até 2026. Obras para drenagem, pavimentação de vias, construção de escolas, de unidades de saúde, campos “bom de bola”, reformas de equipamentos esportivos e tantos outros aportes. 

E com o anúncio das obras do Contorno, são R$ 280 milhões em investimentos que irão acontecer na cidade, totalizando em nosso primeiro mandato quase 500 milhões de reais em investimentos realizados pelo Governo do Estado, no município.

Prefeito anuncia, em entrevista, que a cidade terá o mercado municipal mais inovador do Espírito Santo
O propósito com a plantação de lúpulo é criar um turismo de experiência. Foto: Júlio Victor

6 – Existe alguma movimentação por parte da prefeitura em trazer novos empreendimentos para a cidade?

Wanderson Bueno: Cito o mercado municipal. Viana tem a proposta de trabalhar uma ideia de empreendimento em que pensamos investir em uma área de 30 mil metros quadrados onde haverá opções de lazer, gastronomia, comércio, hortifrutigranjeiros, supermercado com padrão elevado e, ao mesmo tempo, conectando esse espaço com outras atividades, como um hub de inovação e a possibilidade de um centro comercial. É uma obra robusta que projetamos. A área está disponível após o repasse do Governo do Estado. A ideia é que o Mercado Municipal, logo na entrada da cidade, será nosso cartão de visitas. Afirmo que vai ser um equipamento que hoje não temos no estado do Espírito Santo. Com isso, traremos também muita inovação para a região da Grande Vitória. E a previsão de entrega é para o primeiro semestre de 2024.

7 – Vamos tratar sobre o primeiro campo de lúpulo experimental municipal do país. Qual é o objetivo da prefeitura com esse projeto?

Wanderson Bueno: O foco da Prefeitura é no turismo e na gastronomia, mas visando beneficiar também a indústria e o comércio. O propósito com o Polo de Cervejarias Artesanais é criar uma opção de turismo de experiência. Então, por meio das cervejarias artesanais – que, vale ressaltar, é um segmento que cresce cada vez mais no Estado, – pretendemos atrair a hotelaria, a gastronomia e outros setores econômicos ligados ao turismo para essa região.

A plantação de lúpulos em Viana ajudará nessa capitalização de setores do turismo. Vale lembrar que realizamos o primeiro campo público do Brasil. O lúpulo é um dos principais ingredientes para a produção de cerveja. Ele dá amargor, dá aroma, dá o estilo de várias cervejas e é um insumo importante. Esse projeto traz luz para nosso propósito de desenvolvimento do agroturismo da cidade.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA