22.9 C
Vitória
sábado, 15 junho, 2024

Vale opta por não reabrir restaurante e hotel da reserva em Linhares

Devido estratégias de conservação, empresa comunica que manterá serviço de hospedagem e restaurante desativado

Por Mariah Friedrich

A Vale anunciou que não planeja reabrir o hotel e restaurante localizado na Reserva Natural em Linhares, Norte do Espírito Santo, como parte de uma estratégia para fortalecer os esforços de proteção ambiental do espaço, que compreende 21.787 hectares, constituído cerca de 90% de Mata Atlântica.

- Continua após a publicidade -

Reconhecida pela Unesco como Patrimônio Natural da Costa do Descobrimento, a Reserva Natural Vale integra o Complexo Florestal Linhares/Sooretama, que possui 50 mil hectares (RNV, Reserva Biológica de Sooretama, Reservas Particulares do Patrimônio Natural Recanto das Antas e Mutum Preto), correspondendo a 11% da Mata Atlântica no Espírito Santo.

A área de conservação oferece oportunidades para a prática do turismo ecológico, com centro de visitação aberto ao público de terça a domingo, das 8h30 às 16h para atividades de educação ambiental, passeios, piqueniques e eventos em geral, trilhas ecológicas, torre de observação da natureza, coleções secas, entre outros. O local está situado no Circuito do Verde e das Águas, umas das principais rotas turísticas do Espírito Santo.

Conforme o comunicado da empresa ao ES Brasil, a decisão por manter o serviço de hospedagem e restaurante desativado se deve ao foco em destinar recursos para apoiar pesquisadores e cientistas locais e internacionais que conduzem estudos importantes na área.

“O serviço de hospedagem e restaurante foi desativado após o amadurecimento das estratégias de proteção, então segue fortalecendo o objetivo de pesquisa e conservação de espécies, operando como um alojamento para parceiros científicos”, afirma a Vale por meio da assessoria de imprensa.

Ainda segundo a equipe de comunicação da empresa, já foram catalogadas cerca de 3,4 mil espécies de vegetais no local; 1,5 mil insetos; 103 mamíferos; 125 anfíbios e répteis; e mais de 400 espécies de aves. Desde 2010, 74 espécies novas foram identificadas – 67 de flora e 7 de fauna. Em média, são desenvolvidos 23 estudos por ano com dados recolhidos na Reserva Natural Vale por pesquisadores do Brasil e do exterior.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

FIQUE POR DENTRO

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -