20.6 C
Vitória
sexta-feira, 14 agosto, 2020

A força da cooperativas na economia capixaba

Leia Também

TSE aprova resoluções com novas datas para o processo eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou hoje (13) os ajustes em suas resoluções com as novas datas dos eventos eleitorais e votações das eleições...

Distribuição de máscaras a estudantes da rede estadual do Amazonas gera polêmica

A compra foi firmada no dia 4 entre Secretaria de Estado de Educação e Desporto do Amazonas (Seduc-AM) com a empresa Nilcatex Têxtil Ltda, sediada no Mato Grosso do Sul

Investimento em inovação pode chegar a R$ 10 milhões

O Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) anunciou oportunidades de negócios para investimentos de olho na introdução de práticas inovadoras, no incentivo e...

Ao todo, o Espírito Santo possui 121 cooperativas instaladas de norte a sul. O tema será abordado na nova edição do ES Brasil Debate, no dia 10 de dezembro

De acordo com dados da Organização das Cooperativas do Brasil (OCB-ES), o Espírito Santo possui atualmente 134 cooperativas funcionando de forma regular, sendo que destas, 121 estão registradas no Sistema OCB-Sescoop-ES, ou seja, 92,4% da totalidade das cooperativas capixabas são registradas na OCB-ES.

Esse dado representa o maior de todo o Brasil. E essas 121 cooperativas estão instaladas de norte a sul do Estado. São cooperativas de nove ramos diferentes: Agropecuário, Consumo, Crédito, Educação, Produção, Saúde, Transporte, Trabalho e Habitacional.

Ao todo, no Estado são aproximadamente 237 mil cooperados e as cooperativas geram cerca de 7.800 empregos diretos. Ou seja, são mais de 700 mil pessoas envolvidas com o cooperativismo no Estado, quando contamos que cada cooperado possui família e essas famílias também estão diretamente ligadas ao setor.

Sicoob-ES

Uma das cooperativas que se destacam é o Sicoob. É considerado o maior sistema cooperativo de crédito do Brasil. Aberto a empresas e a pessoas físicas, trabalha com produtos e serviços tipicamente bancários, com custos menores do que os do mercado. Os associados, que são donos do negócio, participam dos resultados e dispõem de tecnologia que facilita a movimentação. Além disso, têm a mesma segurança que os clientes de bancos comerciais, pois a instituição garante cobertura de R$ 250 mil por cliente.

Com operação no Espírito Santo e no Rio de Janeiro, a cooperativa tem mais de 270 mil associados. São oito as cooperativas filiadas: Norte, Leste Capixaba, Centro-Serrano, Sul-Serrano, Sul, Sul-Litorâneo, Sicoob Credirochas e Sicoob Credestiva. O sistema atua em todo o Brasil, com 2,6 mil unidades, e atende 4 milhões de associados.

O diretor executivo do Sicoob ES, Nailson Dalla Bernadina, será um dos debatedores. Ele afirma que a abordagem das novas possibilidades de trabalho concretiza o esforço da instituição em manter-se atualizada e completa.

“A regulamentação do open banking vai ampliar os campos de atuação do Sicoob e permitir o trabalho conjunto com empresas de tecnologia e inovação, com o propósito de tornar mais fácil a oferta de soluções para os associados, sejam pessoas físicas ou jurídicas”.

ES BRASIL DEBATE

E o cooperativismo surge como tema também da nova edição do ES Brasil Debate, que será realizado no dia 10 de dezembro, às 19h30, no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em Vitória.

Com o tema “Cooperativismo: juntos sempre mais fortes”, o evento, que tem a entrada gratuita, abordará as mudanças do setor, as conquistas alcançadas ao longo do tempo, bem como as cooperativas têm se destacado, entre outros assuntos.

Estão confirmados o o assessor Jurídico do Sistema OCB/ES, Arlan Simões Taufner, o superintendente do Sebrae-ES, José Eugênio Vieira, e o diretor Executivo do Sicoob, Nailson Dalla Bernadina e o vice-presidente da Coopeavi, Denilson Protatz. O moderador será o superintendente do Sistema OCB/ES, Carlos André Santos de Oliveira..

A programação conta com o apoio institucional da Organização das Cooperativas Brasileiras (Sistema OCB/ES) e do Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob), além do próprio Sebrae. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo endereço debate.esbrasil.com.br.

O QUE É COOPERATIVISMO?

Segundo informações do Sistema OCB-ES, o cooperativismo é uma forma de organização que tem como diferencial promover, de modo simultâneo, o desenvolvimento econômico e o bem-estar social. Baseada na união de pessoas, sendo este o seu maior capital, a atividade tem como referenciais a participação democrática, a solidariedade, a independência, a autonomia e busca pela prosperidade conjunta, e não pela individual. Por sua natureza e particularidades, alia o economicamente viável ao ecologicamente correto e ao socialmente justo. É um movimento capaz de devolver para as pessoas o resultado do trabalho, pois tem em seu centro o ser humano.

Para que o brasileiro conheça melhor esse engajamento tão difundido no mundo, o setor criou o “SomosCoop”. Seu principal objetivo é conectar cooperativas, cooperados e integrantes do Sistema OCB em torno de uma única causa para tornar o trabalho empreendido conhecido e reconhecido na sociedade. Esse movimento busca despertar a consciência das pessoas para a importância do cooperativismo e gerar orgulho naqueles que abraçam a causa.

ES Brasil Debate
Cooperativismo: juntos sempre mais fortes
Data: 10 de dezembro (segunda-feira)
Horário: 19h30
Local: Auditório do Sebrae-ES
Endereço: Rua Belmiro Rodrigues da Silva, 170, Enseada do Suá, Vitória.
Inscrições gratuitas
Inscrições: debate.esbrasil.com.br
Informações: (27) 2123-6520

 

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

ESB 179 Digital
Continua após publicidade

Fique por dentro

Bater ponto de trabalho a distância vira questão com pandemia

A Reforma Trabalhista de 2017 regulamenta o teletrabalho como uma prestação de serviços fora das dependências do empregador

Setor de serviços cresce 5% de maio para junho, diz IBGE

O volume de serviços no país cresceu 5% em junho na comparação com o mês anterior. A alta veio depois de quatro quedas consecutivas...

Setores mais afetados pelo distanciamento social seguem deprimidos, diz BC

Ao avaliar o futuro da atividade econômica, o BC repetiu a ideia de que "a incerteza sobre o ritmo de crescimento da economia permanece acima da usual

Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE

A produção brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas deve fechar o ano de 2020 em 250,5 milhões de toneladas. Com informações da Agência BrasilCaso a...

Vida Capixaba

Durante a pandemia, a pele também precisa de cuidados

Entre o medo do contágio e a vontade de que tudo volte à normalidade, a pandemia despertou nas pessoas uma maior preocupação e cuidados...

O Pequeno Príncipe traz poesia às telas em espetáculo ao vivo

Conhecido do público infantil e adulto, o conto ‘O Pequeno Príncipe’, do escritor francês Antoine de Saint-Exupéry, sai dos livros e chega aos palcos,...

Bike se populariza em tempos de coronavírus

Para fugir das lotações, dos atrasos e riscos de contaminação do transporte público, muitas pessoas se tornaram adeptas das bicicletas neste período Que táxi, que...

31ª Dez Milhas Garoto é adiada para 2021

Com a insegurança em relação a propagação do vírus do Covid-19 pelo Brasil, os principais players do mercado de eventos, feiras e congressos do...
Continua após publicidade