23.3 C
Vitória
terça-feira, 16 abril, 2024

Homenagem do samba capixaba a Homero Massena

O genial pintor Homero Massena, nascido em Minas Gerais, mas apaixonado por Vila Velha, é enredo do carnaval da MUG em 2024

Por Manoel Goes

O genial e rebelde Homero Gabirobetz Massena (1886-1974), se vivo fosse teria completado no último dia 4 de março 137 anos, e que ao meu conceito é o maior de todos os pintores não nascidos no nosso Estado e como ninguém retratou as belezas das terras capixabas. Dos nascidos aqui é unanime o reconhecimento da arte do cachoeirense Levino Fânzeres (1884/1956). Massena nasceu em Barbacena, Minas Gerais, mas adotou Vila Velha como sua cidade preferida, afirmando inúmeras vezes que só existiam dois lugares para se viver bem no mundo, em Paris e em Vila Velha. Reconhecido por amar tanto a nossa terra, recebeu o título de cidadão espírito-santense e muito carinho dos admiradores de sua produção artística.

- Continua após a publicidade -

Pintou desde os 15 anos, deixando um legado artístico maravilhoso, tendo mais de dez mil telas espalhadas pelo país. Sua arte explode nas pinceladas, que em um primeiro momento podem parecer despreocupadas com o primeiro plano, mas transmitem ao expectador várias imagens, dependendo do ângulo e distância da obra. Poucos sabem que também foi um premiado aquarelista, de reconhecimento internacional. Agora recebe mais este reconhecimento como enredo para o desfile do próximo ano, no Sambão do Povo, da octacampeão do carnaval capixaba MUG Mocidade Unida da Glória, “Massena, Um Olhar em Aquarela”.

Nós capixabas temos todos os motivos para estarmos muito felizes com essa iniciativa da diretoria da MUG, liderada pelo dedicado amigo irmão Robertinho da MUG, na escolha desse maravilhoso enredo, que com certeza já está sendo desenvolvido com excelência bem pelo talentoso carnavalesco multi-campeão Petterson Alves e equipe. Tenho motivos especiais para estar feliz com a escolha desse enredo: primeiro por ter sido criado no bairro da Glória, em Vila Velha, berço da MUG. Segundo por fazer parte da história dessa super campeã do carnaval capixaba fazendo parte da sua Velha Guarda, e profissionalmente, como subsecretário Municipal de Cultura de Vila Velha, sendo gestor e curador do icônico Museu Atelier Homero Massena, na Prainha de Vila Velha, e tendo conduzido todo o restauro do imóvel e do acervo do genial pintor.

Os mais de 2 mil visitantes mensais no Museu Atelier Homero Massena, podem fruir os pequenos detalhes da vida do pintor, na casa onde viveu, transformada em museu, hoje totalmente restaurada e com acessibilidade. Lá estão: várias das suas obras, os seus óculos, seus pincéis, inúmeras cartas, livros, diplomas, e as camas do casal separadas por causa da idade e da doença, onde ele e a sua Edy dormiam, separados, mas tão juntos, dando a impressão que eles ainda habitam o lugar.

As marcas do amor do casal estão espalhados por toda a casa, nos afrescos das paredes, nos diversos pássaros desenhados sobre finas rachaduras nas paredes, genialmente aproveitadas como galhos de imaginárias árvores. Com certeza Massena ficaria muito feliz por este “presente” justamente no mês do seu aniversário, onde a sua vida e obra irá desfilar no próximo ano, na maior manifestação cultural e artística do país, o Carnaval. Evoé!

Manoel Goes é escritor, subsecretário de Cultura de Vila Velha e diretor do IHGES.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA