24.7 C
Vitória
terça-feira, 22 setembro, 2020

Exportações de café do Brasil atingem 3,3 milhões de sacas em agosto

Leia Também

TRE-ES fará audiência pública entre candidatos a prefeito de Vitória para combater fake news

A juíza Gisele Souza de Oliveira, responsável pela fiscalização da propaganda das eleições em Vitória, será a coordenadora da audiência pública que será realizada...

Próximas semanas com aumento no número de casos de Covid-19 no ES

O secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes fez essa afirmação nesta segunda-feira (21) em uma rede social. O que diz a publicação “Nas próximas semanas teremos...

Nenhum município em Risco Alto no Espírito Santo

Do total de municípios capixabas, 75 estão classificados em Risco Baixo. Apenas três estão em Risco Moderado (Ibatiba, Montanha e São José do Calçado)....

O Brasil exportou 3,3 milhões de sacas de café em agosto deste ano – considerando a soma de café verde, solúvel e torrado & moído. A receita cambial gerada pelas exportações no mês passado foi de US$ 386,6 milhões, equivalente a R$ 2,1 bilhões, o que representa um aumento de 25,2% em reais em relação a agosto de 2019.

Já o preço médio da saca de café foi de US$ 118,71. Os dados são do Cecafé – Conselho dos Exportadores de Café do Brasil.

O café arábica correspondeu em agosto a 76,6% do volume total exportado, equivalente a 2,5 milhões de sacas. O café conilon (robusta) atingiu a participação de 14,5%, com o embarque de 472,2 mil sacas, enquanto que o solúvel representou 8,9% dos embarques, com 289,7 mil sacas.

“O resultado de agosto demonstra a entrada da nova safra de café arábica no mercado e a continuidade positiva nos embarques de conilon, que garantiram ao Brasil uma boa performance nesse início de ano cafeeiro. Toda cadeia do agronegócio café continua desempenhando um trabalho de alta qualidade e eficiência, seguindo todas as medidas de prevenção e segurança determinadas pela OMS e as entidades públicas de saúde municipais e estaduais. A colheita está praticamente encerrada, apresentando bons resultados tanto na quantidade quanto na qualidade. Tudo indica que as exportações do café brasileiro terão bons resultados no segundo semestre e sempre trabalhando com foco nos três “S”, saúde, segurança e sustentabilidade”, declara Nelson Carvalhaes, presidente do Cecafé.

Ano civil

O total de café exportado no ano civil (janeiro a agosto de 2020) foi de 26,4 milhões de sacas milhões de sacas, sendo o segundo maior volume embarcado para o período nos últimos cinco anos. A receita cambial gerada com as exportações de janeiro a agosto foi de US$ 3,4 bilhões.

Entre as variedades embarcadas no ano civil, o café robusta se destaca pelo aumento de 12,9% nas exportações, se comparado ao volume da variedade exportado de janeiro a agosto de 2019. Essa variedade de café correspondeu no período a 11,6% do total das exportações (sendo equivalente a 3 milhões de sacas embarcadas), enquanto que o café arábica representou 78,3% dos embarques (20,6 milhões de sacas) e o solúvel, 10,1% (2,7 milhões de sacas).

Principais destinos

Os cinco principais destinos de café brasileiro no ano civil (jan-ago), foram: Estados Unidos, que importaram 4,9 milhões de sacas de café (18,5% do total embarcado no período); Alemanha, com 4,5 milhões de sacas importadas (17%); Itália, com 2 milhões de sacas (7,6%); Bélgica, com 2 milhões de sacas (7,3%); e Japão, com 1,3 milhão de sacas (5,1%). Na sequência, estão: Turquia, com 863,9 mil sacas (3,3%); Federação Russa, com 849,5 mil sacas (3,2%); México, com 649,3 mil sacas (2,5%); Espanha, com 634,7 mil sacas (2,4%); e Canadá, com 562 mil sacas (2,1%).

Entre os principais destinos, a Federação Russa e o México apresentaram aumento nas compras de café brasileiro no período de, respectivamente, 20% e 19,3%. Também houve aumento nos embarques para Alemanha (1%), Bélgica (4,8%), Turquia (7,2%), e Espanha (5,3%).

Já entre os continentes e blocos econômicos destacam-se o crescimento de 27,7% nas exportações para os países da América do Sul; 51,9% para a África; 99,6% para a América Central; 24,6% para os países do BRICS; 15,8% para o Leste Europeu, além do aumento de 42,7% nos embarques para os países produtores de café.

Diferenciados

No ano civil, o Brasil exportou 4,4 milhões de sacas de cafés diferenciados (que são os cafés que têm qualidade superior ou algum tipo de certificado de práticas sustentáveis). O volume foi responsável por 16,8% do volume total de café exportado de janeiro a agosto deste ano e representa também o segundo maior volume para o período nos últimos cinco anos.

A receita cambial gerada com a exportação de cafés diferenciados do Brasil foi de US$ 721,1 milhões, representando 21,4% do total gerado pelo Brasil com os embarques no ano civil de 2020.

Os principais destinos de cafés diferenciados foram: os EUA, que importaram 815,5 mil sacas (equivalente a 18,4% do volume embarcado); Alemanha, com 634,5 mil sacas (14,3% de participação); Bélgica, com 558 mil sacas (12,6%); Japão, com 368,2 mil sacas (8,3%); Itália, com 308,4 mil sacas (7%); Espanha, com 182,4 mil sacas (4,1%); Reino Unido, com 171 mil sacas (3,9%); Suécia, com 152 mil sacas (3,4%); Canadá, com 142,2 mil sacas (3,2%); e Países Baixos, com 120 mil sacas (2,7%).

Portos

O Porto de Santos segue na liderança da maior parte das exportações no ano civil de 2020, com 79,2% do volume total exportado a partir dele (equivalente a 20,9 milhões de sacas). Em segundo lugar estão os portos do Rio de Janeiro, com 13,4% dos embarques (3,5 milhões de sacas).

Para mais informações, o relatório completo das exportações de café em agosto de 2020 está disponível no site do Cecafé: http://www.cecafe.com.br/.

*Com informações do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Valor Bruto da Produção Agropecuária deve ser recorde de R$ 823 bi, diz CNA

Outros fatores que podem influenciar o indicador do setor são o aumento de 4,3% na produção, a alta de 18,7% nos preços

No Dia do Avicultor, setor celebra projeções positivas para 2020

Consumo interno e exportações devem encerrar ano em alta mesmo em meio a um dos momentos mais desafiadores da história da indústria de alimentos...

Ipea revê crescimento do PIB agropecuário para 1,5% este ano

Conjuntura referente ao terceiro trimestre de 2020, divulgada hoje (25) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Com informações da Agência Brasil Segundo o Ipea, há...

Hong Kong suspende importação de carne de frango de unidade da Aurora de SC

O governo de Hong Kong, província autônoma da China, suspendeu a importação de carne de frango da unidade da Aurora Alimentos de Xaxim (SC), conforme comunicado...

Idaf realiza ação educativa na Ceasa/ES

Com o objetivo de conscientizar produtores rurais e compradores sobre a importância do Serviço de Inspeção Oficial nos produtos de origem animal, o Instituto...

Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE

A produção brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas deve fechar o ano de 2020 em 250,5 milhões de toneladas. Com informações da Agência BrasilCaso a...

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Valor Bruto da Produção Agropecuária deve ser recorde de R$ 823 bi, diz CNA

Outros fatores que podem influenciar o indicador do setor são o aumento de 4,3% na produção, a alta de 18,7% nos preços

OCDE melhora perspectiva para economia mundial e para o Brasil em 2020

A economia global parece estar se recuperando do baque provocado pelo novo coronavírus mais rápido do que se imaginava há apenas alguns meses graças...

Guedes diz que ‘cartão vermelho’ de Bolsonaro não foi direcionado a ele

O ministro lembrou que, desde início, o presidente disse que não queria consolidar programas sociais para criar o Renda Brasil, e que foi uma decisão política

Ainda acreditamos que é possível acoplar IVA federal com estadual, diz Guedes

O ministro ainda disse que é natural que os Estados façam esse movimento, com o maior peso de serviços na economia, mas "não podem espremer os municípios."

Vida Capixaba

Curso herdeiro ou sucessor?

Como os membros da próxima geração são desenvolvidos na empresa da sua família? Quando falamos em sucessão familiar, é preciso considerar três fatores fundamentais,...

Governo divulga novo imageamento da cobertura florestal do Espírito Santo

No dia em que se comemora o Dia da Árvore, o Governo do Estado, através da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama) e...

Governo do Estado quer reformar e utilizar antiga sede do Saldanha da Gama

Reformar a construção para sediar a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), que atualmente funciona em salas de um...

Circuito Cultural homenageia as crianças em outubro

A 12ª edição do evento, que acontece em formato virtual, já atingiu público de mais de 8 mil pessoas Outubro é o mês das crianças...
Continua após publicidade