26 C
Vitória
terça-feira, 23 abril, 2024

Estudo traça perfil do consumidor geração Z

No Dia do Consumidor, estudo aponta para onde vão os gastos da geração Z, que mais apresenta crescimento no consumo

Por Amanda Amaral

A geração Z é a que tem apresentado maior crescimento no consumo. Mas em que estes jovens têm investido seu dinheiro? Um levantamento para o Dia do Consumidor, comemorado nesta quarta-feira (15), aponta os segmentos onde eles mais gastam.

- Continua após a publicidade -

O estudo foi realizado pelo Itaú Unibanco em alusão a data comemorativa visando a identificar os hábitos de consumo e as compras efetuadas pelos nascidos entre 1995 e 2010. Foram analisadas as compras com cartões de crédito e Pix (de CPF para CNPJ), entre janeiro e fevereiro de 2023. A base de comparação é o mesmo período de 2022.

A pesquisa revelou que transportes por aplicativos, mercados e fastfoods são os segmentos que lideram os gastos da geração Z. Em 2023, esse grupo aumentou de forma relevante os gastos em sites de emprego. Eles também compram mais online e utilizam mais o Pix do que a média da população. O ticket médio das transações ainda é mais baixo, de cerca de R$ 108 (considerando todas as gerações, o valor médio das compras é de R$168).

No recorte apenas sobre o Pix, os índices de crescimento são mais altos — alinhados com a maior adesão ao pagamento tanto por consumidores quanto por empresas. O avanço nos dois primeiros meses de 2023, na comparação com 2022, foi de 83% no valor transacionado e de 153% na quantidade de transações — com ticket médio de R$ 147 (também mais baixo que o gasto médio geral, de R$ 325).

“Os jovens tendem a adotar novidades rapidamente e isso não tem sido diferente no setor de pagamentos. E, vemos um espaço de evolução relevante conforme essa geração passe a ter um poder de consumo mais alto e necessidades de vida ampliadas. Apesar de ainda representar o menor pedaço entre todas as gerações, os jovens da geração Z são uma fatia cada vez mais importante, que vai liderar a forma como o mercado se transformará nos próximos anos”, afirma Mario Miguel, diretor de Cartões e Pagamentos do Itaú Unibanco.

Onde mais gastam

Em janeiro e fevereiro de 2023, as transações em aplicativos de transporte lideraram o consumo no cartão de crédito na geração Z, representando 14% de todas as transações realizadas. O top 5 é seguido por mercados, com 11%, fastfood, com 9%, lojas de conveniência, 5%, e postos de combustíveis, também com 5%.

Entre os ramos que mais cresceram na comparação com o ano passado estão dois segmentos teoricamente opostos. O levantamento mostra que as compras de jogos eletrônicos e aparelhos de videogames cresceram 519% entre 2022 e 2023 (considerando os dois primeiros meses do ano) — um segmento já naturalmente associado aos mais jovens. Mas outro aumento relevante foi nos gastos em sites de emprego — incluindo assinatura do LinkedIn — que avançaram 403% no período.

geração Z
Mário Miguel, diretor de Cartões e Pagamentos do Itaú Unibanco, analisa consumidor da geração Z. Foto: LindedIn

Novas tecnologias

A alta intimidade com o universo digital se reflete na maior adesão às compras online e às novas tecnologias de pagamento, de acordo com a pesquisa do Itaú Unibanco. Considerando as transações com cartão de crédito, a geração Z tem o seguinte comportamento: 36% são realizadas online (contra 31% considerando todas as idades); 38% são presenciais são feitas utilizando tecnologia de aproximação (contra 28% considerando todas as idades).

Somando as compras feitas com cartões às realizadas via Pix, também é possível identificar que os mais jovens têm maior adesão ao pagamento instantâneo. Nos dois primeiros meses de 2023, o Pix representou 37% das compras, e o crédito, 63% – considerando todas as transações, estes números são 18% e 82%, respectivamente. Além disso, a geração Z também teve um avanço importante em relação a 2022, quando o Pix representava 23% das compras, e o crédito, 77%.

Confira o perfil do consumidor da geração Z:

Opção mais utilizada:

Compras com Pix – 37%
Compras com cartão de crédito – 63%

Aumento do uso:

Cartão de crédito – +30%
PIX – +83% no valor transacionado e +153% na quantidade de transações.

Transações com cartão de crédito:

36% das compras são realizadas online.
38% das compras presenciais são por aproximação.

Onde eles gastam mais:

Apps de transporte – +14%
Mercados – +11%
Fastfood – +9%,
Lojas de conveniência – +5%
Postos de combustíveis – +5%

Ramos com maior crescimento:

Jogos eletrônicos/videogames – +519%
Sites de emprego/LinkedIn – +403%

Fonte: Estudo Itaú Unibanco, jan/fev. de 2022 comparado ao mesmo período de 2023.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA