Quiosques da Curva da Jurema serão reformados

A Curva da Jurema terá nova ambiência em breve com quiosques mais bonitos para compor o belo visual da Enseada do Suá. Dez dos 18 quiosques serão reformados e ganharão acessibilidade. Além disso, o município faz a licitação para uma administração única dos quiosques por uma empresa. O edital com as regras será publicado no próximo dia 15
Curva da Jurema (Foto - Diego Alves/PMV)

Edital para uso do espaço será lançado ainda este mês

Uma das principais praias da Capital, Curva da Jurema terá dez dos seus 18 quiosques reformados. O edital de uso dos espaços deverá ser publicado até o dia 15 de outubro, segundo informações da Prefeitura de Vitória. Segundo as regras do certame, a licitação será para administração dos espaços por uma empresa.

Os dois quiosques próximos ao Monumento Vitória 360º serão ponto de apoio para a Guarda Municipal, guarda-vidas e até Corpo de Bombeiros. Todos atualmente prestam serviço nos últimos estabelecimentos, já próximo à entrada da Ilha do Boi.

“Vamos ocupar os quiosques da Curva da Jurema e tirar o espaço vazio que provoca mau uso, como a criminalidade e drogas. Eles terão uma concepção moderna, igual aos da praia de Camburi, que envolve gastronomia, cultura, lazer para as famílias”, afirmou o prefeito de Vitória, Luciano Rezende.

Segundo o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Vitória (CDTIV) , Leonardo Krohling, o novo modelo de gestão dos quiosques vai atrair mais interessados e investidores.

“A administração dos quiosques por uma única empresa permite maiores investimentos. Isso porque o empreendedor tem uma visão ampla do projeto e consegue alocar mais recursos em cada unidade. Além disso, o novo modelo traz agilidade ao poder público para fiscalizar concessão, notificações e ajustes necessários à condução do contrato”, apontou.

Os proprietários dos outros quiosques continuam com contrato vigente com o município e permanecem com o uso atual, sem modificações, até 2022.

Orla

O prefeito Luciano Rezende informou que há uma política de gestão de aproveitamento e valorização das orlas da cidade como espaços de lazer, interação social, prática de exercícios físicos e promoção de saúde.

Para garantir também a qualidade da água do mar para os banhistas, o prefeito disse que assinou com a Cesan um contrato de universalização da coleta e tratamento de esgoto na cidade para a próxima década.

Leia também
Conteúdo Publicitário