Cerca de 400 novas empresas escolheram o Centro de Vitória

ES Brasil_Centro de Vitória_comércio
Novos investimentos têm contribuído para tornar a região mais atrativa - Foto: Leonel Albuquerque

Bairro é o 3° lugar em novos investimentos, com destaque para áreas de serviços e comércio varejista

Atrás apenas dos bairros de Jardim Camburi e Enseada do Sua, com 434 novos empreendimentos, o Centro de Vitória registrou aumento de 10,3% no número de empresas que se instalaram na região. Em 2019, 384 novos negócios foram abertos, contra 348 empresas, em 2018.

Entre os novos empreendimentos, os destaques são para empresas que atuam nos ramos de serviços e comércio varejista. De acordo com o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento , Inovação e Turismo de Vitória (CDV), Leonardo Krohling, os novos investimentos têm contribuído para uma maior movimentação de pessoas e tornar a região mais atrativa para se viver e para se investir.

“O Centro de Vitória está se reinventando. Estamos saindo daquele movimento do Centro tradicional, com comércio comum de rua, e, a partir de incentivos fiscais da Prefeitura e outras ações implementadas na região, retomando para um novo Centro, agora com empreendimentos voltados para as áreas de serviços e inovação”, afirmou o diretor-presidente.

Contudo, Leonardo destaca que o aumento é resultado do conjunto de ações implementadas pela administração municipal para revitalização do Centro. “O Centro tem atraído cada vez mais investidores graças a um trabalho que vem sendo realizado nos últimos anos na região, que vão desde limpeza, segurança e revitalização de espaços públicos até o fomento de atividades culturais e artísticas. Prova disso, são as 732 novas empresas abertas apenas nos últimos dois anos”, disse.

Secretarias estaduais

Outro fator que motiva, segundo Krohling, é o anúncio da transferência de órgãos do Governo do Estado para o Centro, o que deve colaborar para que novos investidores optem por abrir negócios na região. “A ida de diversas secretarias estaduais para o Centro da capital cria uma expectativa muito positiva para 2020, com a abertura de mais empresas, já que com essa migração surgem inúmeras oportunidades novas”, afirma.

Leia Também