29.4 C
Vitória
domingo, 19 maio, 2024

Cachoeiro de Itapemirim lidera o ranking de saneamento básico do ES

Confira a posição de todas as cidades capixabas, segundo o ranking divulgado pelo Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES)

Por Kebim Tamanini

Cachoeiro de Itapemirim, município localizado no Sul do Estado, tem se destacado nos últimos anos por seus avanços significativos em saneamento básico. Esta afirmação foi ratificada recentemente com a divulgação do Ranking Capixaba de Saneamento Básico pelo Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES), colocando-o em primeiro lugar com nota máxima. Boa Esperança conquistou o segundo lugar com a nota 9,12; seguido por Linhares, com 8,23, em terceiro lugar; e a capital, Vitória, com 8,17, na quarta colocação. A nota média estadual ficou em 5,21.

- Continua após a publicidade -

A avaliação da qualidade do saneamento básico dos municípios pelo TCE-ES considerou três critérios principais: nível de atendimento, melhoria de atendimento e eficiência. Essa avaliação possibilitou que os municípios recebessem notas entre zero e 10.

“O Instituto [Trata Brasil] divulga os dados dos 100 maiores municípios brasileiros. Desde 2021, nós pegamos as informações e fazemos o ranking dos municípios capixabas para acompanhar a nossa realidade”, explicou a coordenadora do Núcleo de Controle Externo de Meio Ambiente, Saneamento e Mobilidade Urbana (Nasm), a auditora Ana Emília Thomaz, sobre a origem dos dados coletados.

A gestão do saneamento básico em Cachoeiro de Itapemirim é realizada pela BRK, uma empresa privada com 25 anos de atuação na cidade. Atualmente, mais de 99% da população urbana do município é abastecida com água potável, e cerca de 98% do esgoto gerado é coletado e tratado, superando os índices estabelecidos pelo novo Marco Regulatório do Saneamento Básico (Lei federal 14.026/2020).

“O novo estudo demonstra a evolução contínua nos serviços de água e esgoto, que contam anualmente com investimentos da BRK visando à modernização e à ampliação da infraestrutura do saneamento básico em Cachoeiro”, destaca o diretor da BRK, Marcos Mendanha.

Confira a posição de todas as cidades capixabas, segundo o ranking divulgado pelo Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES)
Além da ingestão, o contato com água de má qualidade pode causar alergias de pele, cabelo e mucosa da boca. Foto: Márcia Leal/PMCI

Na área de abastecimento de água, Cachoeiro de Itapemirim conta com sete Estações de Tratamento de Água (ETA), produzindo diariamente 36,2 milhões de litros de água para a área urbana, além da implantação de mais de 280 quilômetros de novas redes de água. Já nos serviços de esgoto, são operadas 11 Estações de Tratamento de Esgoto (ETE) e mais de 270 quilômetros de redes coletoras, coletores-tronco e interceptores.

Boa Esperança, segundo colocado no ranking, destacou a implantação de mais de 22 quilômetros de redes coletoras, de recalque e emissários, acompanhados pela instalação de mais de duas mil ligações prediais. Além disso, estão em curso a construção de uma estação de bombeamento de esgoto bruto e uma estação de tratamento de esgoto para aprimorar ainda mais o saneamento básico do município.

Municípios em alerta

Já os destaques negativos do ranking ficam com os municípios de Presidente Kennedy (1,93), São Domingos do Norte (2,18) e Rio Novo do Sul (2,43), indo na contramão das altas notas máximas dos primeiros colocados da lista.

“A divulgação desses dados é importante para que os gestores e prestadores consigam ver quanto esforço devem fazer e onde precisam concentrar seus esforços. Se precisam melhorar o nível de atendimento, o nível de investimento, ou trabalhar na redução de perdas para conquistar a universalização do atendimento”, concluiu a auditora do TCE-ES.

Confira o posicionamento de todos os municípios capixabas, segundo o Ranking Capixaba de Saneamento Básico pelo Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES).   

WordPress Tables Plugin

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA