21 C
Vitória
sexta-feira, 19 abril, 2024

Artista plástica capixaba leva obras para Paris em outubro

A artista plástica capixaba Liana Gonzalez terá três obras expostas no Art Fair, no Carrosel do Louvre

Por Paula Bourguignon

A vernissage acontece dos dias 21 a 23 de outubro, em Paris. Suas obras trazem a temática da Sustentabilidade. Liana atualmente mora em Guarapari.

- Continua após a publicidade -

Ela conta como está sendo esse momento na sua carreira: “Minha verdadeira paixão é trabalhar como artista plástica. Trabalho a vida toda só com arte. Estou muito feliz com este reconhecimento. Gosto de inventar e incentivar a arte como temática principal da sustentabilidade”.

Liana usa em suas obras três pequenos totens indicadores de caminhos (toas), como a própria artista plástica explica:

“Visitei a Austrália em 2014 e constatei a força do deserto, percorrendo o Outback australiano. Compreendi a manifestação simbólica através de totens, uma vez que a paisagem do deserto é o céu e a horizontalidade. Conhecer as toas me inspirou percorrer “caminhos imaginados” e experimentar essa poética de criar caminhos impossíveis de se materializarem”, explica a artista plástica.

Os totens remetem a lugares lúdicos, imaginados como contraponto à imensidão do deserto. São totalmente feitos com papel reaproveitado, a partir da técnica do papel machê, como menciona Liana.

“As toas são pequenos artefatos compostos e pintados feitos por aborígenes do sul da Austrália, coletados pelo missionário luterano Johann Reuther na Missão Killalpaninna a partir de 1904. Eram usados como “letreiros” em desocupar um acampamento para dizer aos que seguiam onde eles tinham ido. Cada um deles representava assim um lugar particular, por meio de sua forma esculpida e detalhes pintados”, comenta.

Trabalhos

Recentemente, Liana expôs na Art Biennal Exhibition Helsinki, na Finlândia. Com o tema “Sustentabilidade: A natureza na arte”, em 2021

A AVA Galeria, que promove a Bela Bienal, é quem está levando Liana para Paris.

Liana já expôs em São Paulo com pinturas feitas sobre papel de propaganda (“Meus papéis”, em 2017).

Em Vitória, apresentou uma exposição com pinturas feitas sobre cartazes de cinema (“No escurinho do cinema”, em 2019).

Liana faz parte do grupo de artistas da Galeria Zagut, do Rio de Janeiro.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA