21.1 C
Vitória
domingo, 5 julho, 2020

Ageísmo: uma atitude que nasceu com o envelhecimento da população

Leia Também

Partida entre Fluminense e Botafogo será transmitida em TV aberta

Equipes se enfrentam neste domingo pela semifinal da Taça Rio. Saiba mais! Os torcedores de Fluminense e Botafogo poderão acompanhar pela televisão aberta a semifinal...

Sono e saúde mental em tempos de pandemia. Como lidar com isso?

As pessoas estão ou mais sozinhas, ou com mais pessoas convivendo por muito tempo, toda uma rotina foi modificada e dormir pode tornar-se desgastante.

Live beneficente com repertório de covers e canções autorais

Como a primeira live deixou um gostinho de quero mais, desta vez, o artista reuniu músicos parceiros e fará um show completo pelo YouTube.

Presidente sobrevoou áreas afetadas por ciclone em Santa Catarina neste sábado

"Governo está a disposição para ajudar os atingidos", diz Bolsonaro. Confira! O presidente Jair Bolsonaro sobrevoou, hoje (4), áreas de Santa Catarina afetadas pelo ciclone...

Não seja um reprodutor desse tipo de discriminação

Dados recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que a população idosa, com mais de 60 anos, ultrapassa os 29 milhões de pessoas no País. A estimativa é que este número suba para 73 milhões até 2060. Nesse cenário, surge um novo termo: o ageísmo. O que ele significa? O que causa?

O ageísmo é uma espécie de preconceito com quem tem a idade mais avançada, explica o psicólogo da Jequitibá Residência Assistida, Gustavo Souza. Quem pratica essa atitude acredita que pessoas com mais de 60 anos não produzem mais e não são capazes de contribuir com a sociedade. “Essa discriminação pode gerar desdobramentos negativos na saúde física e mental do idoso”, alerta o psicólogo especialista em idosos.

Eles podem acontecer porque, com o passar dos anos, é comum que o idoso se sinta inseguro, incapaz e com a autoestima abalada. Por isso, o profissional alerta para a importância da preparação para a velhice ao longo da vida. ”O indivíduo que fez esse planejamento para envelhecer compreenderá o seu lugar, sua história e terá mais capacidade para enfrentar esse preconceito e todo o processo de envelhecimento”, explica Gustavo.

Para Gustavo, é fundamental que as gerações mais jovens transformem o seu olhar acerca dos idosos, pois eles têm conhecimentos e experiências valiosas a transmitir. Em pouco tempo, a sociedade brasileira estará mais envelhecida e o bem-estar social passará pela valorização e melhor aceitação do idoso. Vale lembrar que os adultos de hoje chegarão em breve à velhice e poderão sofrer também com o ageísmo.

“Muitos indivíduos se esquecem que foram essas pessoas mais velhas que abriram diversos caminhos e batalharam por conquistas que usufruímos hoje em dia. É importante que as gerações convivam em harmonia, pois cada uma delas tem algo para ensinar e aprender. É fundamental ter empatia para identificar as melhores formas dessa relação acontecer”, afirma o psicólogo Gustavo Souza.

Leia também
Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_177
Continua após publicidade

Fique por dentro

O exemplo cooperativista para enfrentar crises

O cooperativismo é uma forma cada vez mais eficaz para avançar em momentos de crise, ainda mais num mundo que se desenha cada vez mais colaborativo.

Hoje é o último dia para pedir o auxílio emergencial

Prazo para novos cadastros termina nesta quinta às 23h59. Saiba mais! Para quem ainda não se cadastrou a fim de receber o auxílio emergencial de R$...

Depois de dois meses em queda, produção industrial cresce 7% em maio

Alta é a maior desde junho de 2018 (12,9%), diz IBGE. Confira! A produção industrial brasileira avançou 7% na passagem de abril para maio deste...

Confiança do empresário sobe em junho pelo segundo mês, diz FGV

Índice atingiu 80,4 pontos em escala de zero a 200 pontos. Saiba mais! O Índice de Confiança Empresarial (ICE) medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV)...

Vida Capixaba

Live beneficente com repertório de covers e canções autorais

Como a primeira live deixou um gostinho de quero mais, desta vez, o artista reuniu músicos parceiros e fará um show completo pelo YouTube.

Veja como ficará o tempo neste fim de semana!

Segundo o Incaper, a previsão do tempo é de aberturas de sol, mas também poderá ocorrer chuvas em algumas regiões do Estado.

Grandes clássicos apresentados no segundo concerto on-line da Osses

A exibição virtual, que faz parte do projeto “[email protected] Sinfônica In Live”, começará às 20 horas, nas mídias sociais do Projeto Casa Verde.

O clássico tricot retorna à moda com o inverno

Desde que caiu na graça das fashionistas, o tricot ganhou recortes e estampas mais atuais e se consolidou como a peça chave dos looks de inverno nos últimos anos.
Continua após publicidade