Mulheres do campo estão em busca de mais conhecimento na área rural

mulheres do campo
Foto: Governo Federal

Áreas de maior interesse abrangem os temas relacionados à formação profissional, como gestão de pessoas e finanças

Uma pesquisa realizada pelo Sistema CNA/SENAR e pela Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), revelou que a mulher do campo se mostra cada vez mais empreendedora, não se contentando com a posição já conquistada no mercado de trabalho. De acordo o levantamento, elas querem ir muito mais além.

Prova disso, é o número elevado de participantes ouvidas que têm o interesse de aprofundar seus conhecimentos em temas relacionados à formação profissional, em especial, à gestão pessoas, além das áreas de gestão de negócios e finanças.

A pesquisa, realizada com 862 mulheres de diversas regiões do país, foi divulgada no 2º Congresso Nacional das Mulheres do Agro, realizada nos dias 17 e 18 de outubro em São Paulo. Do total, 60% são proprietárias ou sócias; 49,5% trabalham em minifúndios e 55% se sentem preparadas para desenvolver qualquer atividade no campo.

“As mulheres do campo estão quebrando um paradoxo. Antes a preocupação estava muito voltada para o solo, maquinário e agora é preciso focar em gestão. Principalmente, das pessoas, dos colaboradores que estão na propriedade. Hoje a agropecuária é altamente inovadora e tecnológica, mas os grandes diferenciais dentro das propriedades são as pessoas, o capital intelectual, o talento”, afirmou Dyovanna Depolo, coordenadora da Faculdade CNA a Distância.

Conectadas com o mundo

Outro dado importante detectado ao longo do levantamento é a conectividade das mulheres do campo com as ferramentas de comunicação. Mais de 95% das entrevistadas usam o WhatsApp e quase 93% o Facebook.

Para a empresária rural Carla de Freitas, que possui propriedade em Rondônia e mora em São Paulo por conta da faculdade, as mulheres precisam ser, também, protagonistas dessa inovação do setor agropecuário. “Ela precisa estar ligada no que vai precisar e no que vai acompanhar a vida dela daqui pra frente: essa valorização, essa busca do conhecimento da tecnologia, das novas tecnologias”, conclui Carla.

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome