Guarapari: trecho mais perigoso entre as rodovias federais

Acidente BR-101 Guarapari
Foto: Reprodução

Somente em 2017, foram registradas 21 mortes e 14 acidentes na parte da BR-101 que corta o município

Um trecho de 10 km da BR-101 no município de Guarapari foi considerado o mais perigoso do País. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (4) pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) no estudo “Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura”.

No levantamento, a CNT avaliou 4.571 trechos de até 10 km. O critério de avaliação adotado foi a quantidade de mortes em acidentes registrados em 2017. Então, a entidade elaborou a lista dos cem trechos mais perigosos do Brasil.

O segmento que está no topo do ranking localiza-se entre os quilômetros 343,1 e 353,1 da BR-101. No local, ocorreram 21 mortes e 14 acidentes. Esse resultado se deve, principalmente, ao acidente ocorrido no ano passado envolvendo duas ambulâncias, um ônibus e uma carreta. Todas as mortes foram registradas pela polícia nessa ocorrência.

Rodovias federais

A BR-101 aparece também no segundo lugar, dessa vez, com um trecho no município de Abreu e Lima (PE), onde ocorreram 15 mortes e 142 acidentes. Em seguida, está a BR-040, localizada no município de Luziânia (GO), que registrou 15 mortes e 103 acidentes. Em quarto lugar, aparece um trecho da BR-381 em Itatiaiuçu (MG), com 14 mortes e 95 acidentes. Já em quinto, encontra-se a BR-116 em Guarulhos (SP), com 13 mortes e 252 acidentes.

Lista de trechos mais perigosos em rodovias federais - CNT 2018
Fonte: CNT
Leia mais:
Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!