25.2 C
Vitória
sexta-feira, 25 setembro, 2020

Secretário adianta pontos da estratégia de vacinação para covid-19

Leia Também

O Hospital Materno Infantil será entregue

Está tudo pronto! A solenidade de entrega do Hospital Materno Infantil Drª Maria da Glória Merçon Vieira Cardoso será as 9h30 do sábado (26). A entrega das obras é um marco para o município da Serra.

Governo federal libera entrada de estrangeiros por aeroportos de todo o País

A Portaria diz ainda que o estrangeiro em viagem de visita ao País para estada de curta duração, de até 90 dias

Parques estaduais abrirão neste final de semana

Com alguns municípios do Estado figurando na lista dos que estão atualmente em Risco Baixo, de acordo com a classificação do mapa de Gestão de Risco da Covid-19, parques estaduais vão reabrir em algumas localidades.

O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Correia, adiantou nesta quarta-feira (5) a preparação está sendo feita para a estratégia nacional de imunização de brasileiros quando a vacina contra a covid-19 estiver disponível no país. O assunto foi discutido na Comissão Externa da Câmara dos Deputados destinada a acompanhar o enfrentamento à pandemia.

Informações da Agência Brasil

Segundo Correia, está sendo feito o mesmo cálculo usado para a vacina contra influenza, cerca de 100 milhões de doses no país. O secretário disse que, tendo em vista as taxas de letalidade desse grupo, idosos e pessoas com comorbidades, como cardiopatia e obesidade, estarão entre os primeiros a receber a vacina. Também estarão no grupo prioritário os profissionais de saúde.

As primeiras 30,4 milhões de doses vão chegar em dois lotes: metade, 15,2 milhões, em dezembro e a mesma quantidade em janeiro. “Com o avanço da ciência, acreditamos que, em dezembro, talvez, já passemos o ano novo de 2021 com pelo menos 15,2 milhões brasileiros vacinados para covid-19 e possamos juntos construir essa nova história da saúde pública do nosso país”, disse Arnaldo Correia.

Além desses dois lotes, mais 70 milhões de unidades da vacina serão disponibilizadas gradativamente, a partir de março de 2021. O medicamento está sendo desenvolvido pela farmacêutica britânica AstraZeneca, em conjunto com a Universidade de Oxford, e já se encontra em fase de testes clínicos em vários países, incluindo o Brasil.

Um acordo entre a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a biofarmacêutica prevê que, antes do término dos ensaios clínicos, o que representaria 15% do quantitativo necessário para a população brasileira, ao custo de US$ 127 milhões. A negociação garante total domínio tecnológico para que Bio-Manguinhos, unidade da Fiocruz produtora de imunobiológicos, tenha condições de produzir a vacina de forma independente.

Estrutura

Para acelerar a produção, será utilizada a estrutura de envasamento e rotulagem já disponível na produção da vacina contra a febre amarela no país. Cada frasco terá cinco doses, segundo representes da Fiocruz.

Pelo acordo, a vacina de Oxford produzida no Brasil será distribuída apenas ao Sistema Único de Saúde (SUS) e para agências das Nações Unidas. Está em discussão a possibilidade de distribuição para outros países da América Latina.

Compras

Ainda segundo o secretário de Vigilância em Saúde, neste momento, priorizando fornecedores nacionais, o Ministério da Saúde já está preparando a aquisição de seringas, agulhas e o planejamento para a distribuição da vacina no país. Também está em levantamento do pessoal disponível para aplicar a vacina e a capacidade da chamada “rede de frios”, que são os equipamentos de estados e municípios em condições de estocar as doses nos 37 mil postos de vacinação do país.

Questionado sobre a logística de distribuição de doses, Arnaldo Correia disse que, depois da liberação, leva entre 15 e 20 dias. Ele lembrou que cabe ao Ministério da Saúde distribuir para os estados e a estes aos municípios.

Sobre um cronograma de liberação da vacina, o diretor do Instituto Bio-Manguinhos da Fiocruz, Maurício Zuma, preferiu a cautela. “Tem um grau de incerteza em relação a isso, por isso, a gente está sendo bastante cauteloso. Nosso compromisso é buscar a confirmação desses cronogramas para poder passar para o Ministério da Saúde a para Comissão [externa da Câmara que acompanha ações contra a pandemia do novo coronavírus] qual é nossa expectativa concreta de produzir e liberar as doses da vacina”, ponderou.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

O Hospital Materno Infantil será entregue

Está tudo pronto! A solenidade de entrega do Hospital Materno Infantil Drª Maria da Glória Merçon Vieira Cardoso será as 9h30 do sábado (26). A entrega das obras é um marco para o município da Serra.

Governo de SP irá subsidiar 161 mil computadores a professores

Doria anunciou também o repasse de R$ 352 milhões a 166 mil servidores da rede pública de ensino, entre professores, diretores e agentes da educação

Governo federal libera entrada de estrangeiros por aeroportos de todo o País

A Portaria diz ainda que o estrangeiro em viagem de visita ao País para estada de curta duração, de até 90 dias

São Paulo registra 964.921 casos confirmados de covid-19 e 34 877 óbitos

Nessa semana tivemos ainda índices que mostraram quedas expressivas tanto no número de óbitos, quanto de internações", afirmou o secretário estadual de Saúde

Nova encíclica do papa Francisco pedirá ‘globalização da solidariedade’

"O papa escreveu uma encíclica, o que não o fazia desde 2015. Num mundo que está em hiato, esta é a melhor forma de fazer ouvir a sua voz", acrescenta Gagliarducci

Ministério da Saúde planeja ‘Dia D’ contra covid-19 com cloroquina

Uma camisa com o slogan do "Dia D", ainda não anunciado, deve ser feita pelos organizadores, além de máscaras personalizadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Economia: pedidos de seguro-desemprego caem 11,6% na 1ª quinzena de setembro

O custo de cada parcela adicional é estimado em R$ 8,35 bilhões, segundo cálculos da equipe econômica obtidos pelo Broadcast

‘Vamos fazer programa de substituição tributária’, diz Guedes

Ricardo Barros (PP-PR), afirmou ainda que não haverá aumento de carga tributária na proposta de reforma que o governo construirá

Conab avalia que Brasil terá segunda maior safra de café em 2020

O 3º Levantamento da Safra 2020 de Café, divulgado hoje (22), em Brasília, pela Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), foi estimado em 61,6 milhões...

Valor Bruto da Produção Agropecuária deve ser recorde de R$ 823 bi, diz CNA

Outros fatores que podem influenciar o indicador do setor são o aumento de 4,3% na produção, a alta de 18,7% nos preços

Vida Capixaba

Cirurgia inédita no Estado para tratar tumores de pulmão

O procedimento é inovador! Chamado de lobectomia uniportal por vídeo, o procedimento será realizado no dia 26 de setembro. 

Farol Santa Luzia e Igreja do Rosário são reabertos com novas regras de visitação

A reabertura dos pontos turísticos capixabas acontece aos poucos e na última quarta feira (23) mais dois, localizados em Vila Velha, reabriram para visitação depois de ficarem fechados por meses, em consequência da pandemia do novo Coronavírus.

Difícil controlar o estresse na pandemia?

Na semana em que se comemora o dia Dia Mundial de Combate ao Estresse (23) resultados de estudos comprovam que nos últimos seis meses, devido à pandemia do COVID, a demanda por medicamentos para estresse, depressão e insônia, aumentou.

Terminam hoje inscrições para II Encontro Capixaba de Pesquisa em Educação Ambiental

Voltado para estudantes, pesquisadores, professores e demais educadores ambientais, o encontro será realizado de quarta-feira (23) a sexta-feira (25) de forma virtual devido às medidas de prevenção ao novo Coronavírus (Covid-19).
Continua após publicidade