24.6 C
Vitória
quarta-feira, 3 junho, 2020

Quando todos ganham

Leia Também

Vendas no varejo registram queda em abril

Essa foi considerada a maior retração desde o início da série histórica iniciada em 2001. A maior queda havia sido em janeiro de 2002, quando as vendas do varejo reduziram 16,5%.

Vacina contra covid-19 desenvolvida em Oxford será testada no Brasil

Considerado um dos mais promissores, o imunizante já está na fase três de testes, em que dez mil pessoas serão testadas para se avaliar a eficácia do produto.

Convênio entre Estado e filantrópicos reforça leitos no Sul do ES

A entrega dos leitos começou na segunda-feira (1º), em Cachoeiro de Itapemirim. O prefeito do município, Victor Coelho, acompanhado de equipe da Secretaria Municipal de Saúde, recebeu dez novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Prazo de pagamento da taxa do Enem é prorrogado

Segundo o Inep, mais de 5,7 milhões de pessoas já tiveram suas inscrições confirmadas. E a expectativa é que 300 mil inscritos paguem a taxa de inscrição do exame.

O que o país espera é que as reformas, necessárias e urgentes, sejam feitas, abrindo o caminho para o desenvolvimento

Ao longo dos anos e passando pelas inúmeras crises que o Brasil enfrentou, o setor de supermercados tem se mostrado um dos mais dinâmicos segmentos da economia capixaba, um dos mercados de varejo mais disputados do Brasil e onde a concorrência se dá, em sua maior parte, entre empresas locais, estruturadas para oferecer o melhor a seus clientes.

O que passou, no entanto, é história. Olhando-se à frente, o setor olha a frente com um otimismo moderando, acreditando que o atual Governo conseguirá fazer as reformas tão necessárias ao crescimento econômico e desenvolvimento do Brasil. Este sentimento é que está alavancando novos investimentos em novas, com pelo menos 12 delas previstas para este ano. Mas não só nelas, já que as empresas estão sempre investindo em melhorias de suas instalações, na aquisição de novos e mais modernos equipamentos, em treinamento de pessoas e na interação com as comunidades onde estão instaladas.

Este dinamismo, que é histórico e que se mantém, é que fornecem os significativos números gerados pelo setor, cujo investimento em 2019 deve chegar aos 14 bilhões de reais, o que garante mais de 130 mil empregos, diretos e indiretos, no setor. Os supermercados são, ainda, um dos grandes contribuintes do Espírito Santo, o que significa fornecer ao Estado meios de atender os capixabas. E isso sem contar que a malha de supermercados se faz presentes em todos os municípios e são neles que os capixabas se abastecem.

O cenário traçado, no entanto, pode ser muito mais favorável. Mas para que a melhoria que todos desejam ocorra é preciso de ações do Estado. O primeiro passo, sem dúvida, são as reformas estruturais, que devem, necessariamente, incluir a reforma tributária, inclusive para simplificar o processo tributário e dar a ele mais transparência, não só para as empresas, mas para o contribuinte, de modo geral. Há tempo o setor clama por estas reformas, por desejá-las e serem em benefícios de todos.

Os supermercados são, ainda, um dos grandes contribuintes do Espírito Santo, o que significa fornecer ao Estado meios de atender os capixabas

Também há longo tempo – e vencendo as maiores crises nacionais – o setor vem buscando o equilíbrio, racionalizando custos e buscando maior eficiência. E foi adotando estas vertentes que se tornou competitivo, pode investir, ampliar o atendimento à população, crescer e tornar-se no importante setor que é hoje. Nós, do setor, fizemos o nosso dever de casa.

Resta, agora, o Estado em todos os seus níveis, fazer o dele e o primeiro passo é a aprovação de reformas que tirem o Brasil e a economia da atual situação de letargia. Ao sair dela, o país ganha – e como consequência, todos os que estão nele, incluindo as empresas.

O que o país espera – e nele se inclui o setor capixaba de supermercados – é que as reformas, necessárias e urgentes, sejam feitas, abrindo o caminho para o desenvolvimento, que irá melhorar o ambiente empresarial e a condição do brasileiro que terá mais emprego e mais renda. É uma situação em que todos ganham.


João Falqueto é Presidente da Associação Capixaba de Supermercados (ACAPS)

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Comissão Europeia avança para disponibilizar € 11,5 bi para recuperação da crise

Comissário da UE encarregado do Orçamento, Johannes Hahn enfatizou a necessidade de que o dinheiro chegue logo às empresas e às pessoas, ainda neste ano.

Produção industrial cai 18,8%

A produção industrial caiu 18,8% em abril ante março, na série com ajuste sazonal, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Venda de veículos novos sobe 11,6% em maio ante abril, diz Fenabrave

Em maio, segundo mês de concessionárias fechadas em vários Estados, as vendas somaram 62,2 mil unidades, alta de 11,6% em relação a abril.

Cooabriel inaugura unidade em Montanha

O objetivo da nova unidade é atender às grandes solicitações de sócios e produtores, além de expandir a cultura do café conilon na região.

Vida Capixaba

Viana contará com Guarda Municipal armada

Ao todo, 29 agentes estão sendo treinados para realizar o combate à criminalidade, na segurança do patrimônio público, e a organização do trânsito, conforme explicou o prefeito Gilson Daniel.

Novas regras adotadas para o comércio a partir desta segunda-feira (1º)

As novas regras para galerias, centros comerciais, academia, shoppings e restaurantes de Vila Velha foram publicadas no Diário Oficial do município desse domingo (31).

Lugar de homem é na cozinha

A arte de combinar ingredientes e temperos tem atraído mais e mais homens Em restaurantes ou em ambientes domésticos, é cada vez mais comum ver...

Shoppings da Grande Vitória poderão abrir a partir de segunda (1º)

De acordo com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, a decisão foi tomada durante uma reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública do Estado, realizada hoje. 
Continua após publicidade