24.4 C
Vitória
quarta-feira, 24 DE julho DE 2024

Pesquisa e inovação são defendidas para empresas da Serra

Empresários e autoridades debateram a importância da busca por soluções inovadoras para a economia local

Por Gustavo Costa

A Serra diversificou sua economia, deixando de ter apenas vocação para o agronegócio e investindo muito na sua industrialização. É uma cidade desafiadora e apresenta muitas oportunidades para o crescimento do Espírito Santo.

- Continua após a publicidade -

Foi assim que o prefeito Sergio Vidigal analisou o atual momento da Serra, durante encontro com empresários do município e autoridades de várias esferas, na manhã desta quarta-feira (13). “Aproximadamente 20% da riqueza do Espírito Santo é produzida no município. Assim, vamos continuar atraindo investimentos e ambiência para a cidade para que ela se mantenha neste patamar”, falou ele.

O pronunciamento aconteceu durante o primeiro Café de Negócios (Caneg) do ano. Mais de 370 pessoas estiveram no evento da Associação dos Empresários da Serra (Ases). Além do prefeito da Serra, também marcaram presença o governador do Estado, Renato Casagrande; e o vice, Ricardo Ferraço. Em pauta, o desenvolvimento da economia local e estadual.

Para o presidente da Ases, Fabio Junger, os empresários da Serra se mostram adaptados ao atual cenário econômico do país e investindo na área de inovação. “Temos visto um aumento significativo no interesse e na implementação de soluções criativas para impulsionar o crescimento dos negócios. Muitas empresas estão investindo em tecnologias emergentes, como inteligência artificial, para otimizar processos, melhorar a experiência do cliente e encontrar novas oportunidades de mercado”, explicou ele.

Junger observou que existe uma maior colaboração entre empresas locais e instituições de pesquisa e desenvolvimento, visando a criação de novos produtos. A respeito da entidade, ele falou sobre como foram seu primeiros meses na presidência. “Temos como principal desafio transformar a Ases em autossustentável, para que possamos concentrar esforços e tempo, não na manutenção em si da própria entidade, mas sim em ações planejadas que tragam o desenvolvimento de forma sustentável e competitiva aos nossos associados”, falou.

Logística é tema de painel

O impacto de obras realizadas recentemente no município também foram abordadas durante o 213º Caneg. O sócio e diretor da Apex, Ricardo Frizera, falou sobre logística no seu painel. “Foi uma conquista importante que a gente teve, a inauguração do contorno do Mestre Álvaro. É uma obra importante para o Estado e para o Brasil e que veio para somar junto ao complexo viário de Carapina. As obras de infraestrutura que estamos realizando ligará Serra ao polo empresarial de Aracruz. Estamos expandindo de Norte a Sul, com obras em Viana e Vila Velha também”, frisou.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA