25 C
Vitória
domingo, 24 maio, 2020

O bom exemplo

Leia Também

“Os Saltimbancos” no Diversão em Cena ArcelorMittal Online

A história gira em torno de um grupo de animais descontentes com a vida no campo se aventura pela cidade, em busca de uma carreia musical.

Como a crise pode transformar as pessoas?

Cada indivíduo tem tentado buscar inovações e novas posturas em meio a situação  de incerteza onde o aprendizado, visões e valores tem sido reconfigurados para vencer os desafios ora estabelecidos.

Robô virtual de Vila Velha oferta cursos gratuitos pelo Whatsapp

O primeiro curso divulgado é o “Empreenda Vila Velha Digital”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec).

Vila Velha 485 anos: um município cheio de riquezas e cenários paradisíacos

Nesta quinta-feira (23), é celebrado o Dia da Colonização do Solo Espírito-Santense, e também os 485 anos de Vila Velha. Confira um pouco sobre a cidade!

A visão industrializante é predominante desde a revolução industrial (1760-1840) com seus novos processos de manufatura


Quando se fala sobre superação de crises econômicas, logo vêm às mentes dos gestores públicos, sejam economistas ou não, a imagem de apoio financeiro à atividade produtiva representada pelas grandes e médias empresas fabris. Bem como a outras, de mesmos portes, representantes das prestações de serviços gerais a elas vinculados. Gigantescas boias de salvação são infladas e lançadas a um mar revolto, cheio de incessantes e sufocantes ondas políticas, econômicas e sociais. Há situações em que isso tudo não será a solução para atravessá-lo, como agora com a pandemia. Ao final, será ele, o mar, que as deixará passar.

A visão industrializante é predominante desde a revolução industrial (1760-1840) com seus novos processos de manufatura. A qual, reconhecida e meritoriamente, dinamizou a trilha do caminho da prosperidade humana. Limitada inicialmente à Inglaterra, espalhou-se pela Europa em poucos anos e veio a se consolidar, em décadas recentes, com o advento da tecnologia digital. Não há como negar sua importância na vida humana. Inúmeros intelectuais já comentaram com maestria sua gênese e evolução.

Mas, se não há como negá-la, também não há como esquecer ou desprestigiar importantes mudanças como o Renascimento (séculos XIV-XVI) e o Iluminismo (séculos XVII e XVIII). Neles, a criação humana intelectual, artística e cultural trouxe uma inestimável contribuição para a condição humana. No Renascimento, sinônimo do alvorecer da Idade Moderna, com o culto à importância do ser humano e de seu insubstituível e inalienável papel na construção do futuro da humanidade, com estudos densos e admiráveis da filologia, o amor aos estudos, e de nossos traços arqueológicos.

Já no Século das Luzes, tempos de Rousseau, Voltaire e Kant, com a razão e a luz vencendo a ignorância e as trevas. Algo tão necessário nos dias em que vivemos. A luta pelo fim da prevalência dos dogmas no ambiente religioso; do autoritarismo do absolutismo no ambiente político; da desigualdade social emanada de insustentáveis privilégios no âmbito social; e do excludente mercantilismo no ambiente econômico. Não se abominava a religião, vale lembrar, mas seu excessivo dogmatismo e intolerância. Creio que o atual Papa assim também entende.

Já na Idade Contemporânea, em momentos de crise econômica, muitos observam a crise de 1929 e o “New Deal” liderado por Franklin Delano Roosevelt. E nele encontram exemplos de forte apoio às grandes e médias corporações empresariais e a realização de grandes obras públicas depois de três terríveis secas que minaram a agricultura em 1930, 34 e 36 e queda de 88% da produção siderúrgica após outubro de 1929. O livro “As Vinhas da Ira” de Steinbeck é uma ode à essa época. E Roosevelt fez uma escolha entre proposições, principalmente, as de Hayek e Keynes. Sendo este último seu protagonista mor.

Porém, salvo raríssimas exceções, poucos são aqueles que destacam o seu robusto estímulo e real investimento na indústria das artes, da cultura e do turismo. Roosevelt criou 8 milhões de novos empregos com inauguração de 5.900 escolas, 13.000 novas áreas de lazer e 2.700 peças de teatro, pelo Plano Federal de Teatro. Também os criou para 3,4 milhões de jovens no Corpo de Conservação Civil, os quais construíram 21 mil quilômetros de trilhas, plantaram 2 bilhões de árvores e cuidaram de 250 mil quilômetros de estradas de terra. Assim, os parques estaduais transformaram-se em uma imensa atração de turistas de todo o mundo, gerando receitas e empregos. Além de pesquisas.

Fica o bom exemplo a ser seguido, senhor presidente da república.

Antônio Marcus Carvalho Machado é economista (Ufes) e mestre em Administração (UFMG)

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Na pandemia, consumidores priorizam pagamento de despesas básicas, diz pesquisa

A crise provocada pela pandemia do novo coronavírus tem feito consumidores brasileiros priorizarem o pagamento das despesas domésticas mais básicas.

Receita abre consulta a 1º lote da restituição do Imposto de Renda

A Receita Federal liberou na manhã desta sexta-feira, 22, a consulta ao primeiro lote da restituição do Imposto de Renda 2020.

É hora da volta do turismo?

Recepcionistas e camareiras de máscara e protetor facial. Termômetro de infravermelho no check-in. Café da manhã à la carte ou então servido no quarto. Grupos pequenos na visita a atrações.

Juros devem permanecer baixos por um tempo, segundo FMI

Tobias Adrian, sugeriu que os bancos retenham as receitas em seus balanços, evitando pagamento de dividendos, a fim de preservar as condições de capitais

Vida Capixaba

“Os Saltimbancos” no Diversão em Cena ArcelorMittal Online

A história gira em torno de um grupo de animais descontentes com a vida no campo se aventura pela cidade, em busca de uma carreia musical.

Medidas de distanciamento social podem durar até 2022, segundo pesquisa

De acordo com a pesquisa, caso não haja alguma vacina ou um tratamento aprimorado até 2022, medidas de distanciamento social prolongadas ou intercaladas deverão ser tomadas.

Nova avenida Vitória: 75% das obras estão concluídas

As obras começaram há sete meses e contempla a reabilitação e reurbanização da malha viária, além da implantação de ciclovia e trabalho de microdrenagem.

Prefeitura da Serra reduzirá salários de prefeito e secretários durante a pandemia

A intenção é que seja reduzido na folha de pagamento 30% dos salários do prefeito Audifax Barcelos e da vice-prefeita Marcia Lamas, e 10% dos salários dos secretários.
Continua após publicidade