22.1 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto, 2022

Imóveis de luxo entre os preferidos no Salão do Imóvel

Imóveis de luxo, em Vila Velha, estavam entre as opções do Salão do Imóvel. Foto: Reprodução/Plataforma Salão do Imóvel

Maioria buscou por imóveis de luxo com preços entre R$ 601 mil e R$ 1 milhão no evento realizado entre abril e maio de 2022

Por Amanda Amaral

Trinta e seis empresas participaram da 28º edição do Salão do Imóvel, que este ano foi realizada entre abril e maio, exclusivamente pela internet. Foram 62.942 visitas a plataforma do evento, 36% a mais com relação à 2020. Segundo a organização, os produtos mais nobres e de luxo assumiram a preferência do público.

De acordo com a pesquisa promovida pela Associação dos Dirigentes das Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi-ES), 31,9% do público buscou imóveis com preços entre R$ 601 mil e R$ 1 milhão, seguido pelas unidades avaliadas entre R$ 451 mil e R$ 600 mil, que totalizaram 21% das intenções de compras.

Em terceiro lugar ficaram as moradias econômicas com preço até R$ 240 mil com 15% das buscas. Em 2020, os imóveis populares representaram a maior procura, atingindo 53,9% das pesquisas no portal.

Apartamento de Dois Quartos

Em se tratando das tipologias mais desejadas pelo mercado consumidor, os apartamentos de dois quartos somaram maioria (48,6%), depois as unidades de três dormitórios (35,4%) e quatro quartos (7,1%).

Os lotes tiveram a preferência de 3,8% do público capixaba. Com relação aos municípios de maior interesse do público, Vitória aparece na frente com 49,1%, seguida de Vila Velha (33,5%), Serra (14,2%) e Santa Leopoldina, que aparece com 1%.

De acordo com o presidente da Ademi-ES, Eduardo Fontes, o Salão do Imóvel tem como objetivo fomentar o setor imobiliário, concentrando as ofertas em um espaço único e com condições especiais de compras.

Para o presidente da Ademi-ES, Eduardo Fontes, o Salão do Imóvel concentra as ofertas em um espaço único. Foto: Divulgação

“O evento cumpriu mais uma vez o seu papel, atingindo um número ainda maior de público. Temos um cenário positivo para quem deseja investir em imóveis, com rentabilidade assegurada a médio e longo prazos, como também linhas de crédito fartas em diferentes instituições financeiras, como as oferecidas pela Caixa, Banestes e Sicoob-ES, que estiveram presentes nesta edição do evento. Embora haja perspectivas de aumento da taxa Selic, os bancos contam com percentuais abaixo de dois dígitos”.

Unidades à Venda

O Salão do Imóvel da Ademi-ES colocou à venda mais de 4 mil unidades, com preços partindo de R$ 58 mil para lotes, e apartamentos a partir de R$ 172 mil (unidade de três quartos, em Serra), além de cobertura de luxo avaliada em R$ 6,4 milhões, na Praia da Costa, Vila Velha.

Estiveram em oferta apartamentos de um, dois, três, quatro e até cinco quartos, além de casas e salas comerciais localizadas na Grande Vitória, incluindo Guarapari, e interior do Estado, como Linhares, Santa Leopoldina e Cachoeiro de Itapemirim, entre produtos em fase de construção, lançamentos, seminovos e prontos para morar. Os perfis eram diversos desde imóveis econômicos a médio e alto padrão e unidades inseridas no programa Casa Verde e Amarela.

O Salão do Imóvel teve patrocínio da Caixa Econômica Federal, Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) e Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob-ES), além do apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-ES) às micro e pequenas imobiliárias participantes.

Com informações da Ademi-ES. 

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade