26 C
Vitória
quinta-feira, 11 agosto, 2022

G-7: líderes concordam em acelerar transição para energia limpa

esbrasil-energia-limpa-eólica
A energia eólica já corresponde a 11% da matriz energética total nacional, segundo o Governo Federal, e tende a aumentar. Foto: Reprodução internet/Direitos Reservados

Concordaram em trabalhar juntos para uma energia “limpa e justa”

Por Redação ES Brasil

Os líderes do G-7 reunidos nesta última segunda-feira, 27 de junho de 2022, na cidade de Elmau, na Alemanha, concordaram em trabalhar juntos para acelerar uma transição “limpa e justa” no setor de energia, almejando a neutralidade no clima, mas também garantindo a segurança dele.

Em comunicado, o G-7 diz que as autoridades reconheceram as “imensas oportunidades” para desenvolvimento social e econômico nessa transição, além de reafirmar o compromisso com o Acordo de Paris e o Pacto Climático de Glasgow, para limitar a alta na temperatura global abaixo de 2º Celsius e inclusive almejando que essa alta seja limitada a 1,5º Celsius acima dos níveis pré-industriais.

Os líderes se comprometeram a trabalhar para acelerar a descarbonização das economias, tendo como alvo emissões líquidas zero, além de garantir acesso a benefícios e oportunidades de desenvolvimento com custo razoável e sustentáveis no setor de energia e para garantir benefícios socioeconômicos e oportunidades de desenvolvimento, em linha com a Agenda 2030.

As autoridades concordaram em avaliar opções para reduzir as emissões de carbono no mix de energia e acelerar a transição da dependência de combustíveis fósseis, bem como por uma expansão rápida das fontes de energia limpa e renovável. Isso inclui reduzir o uso do carvão, enquanto se aumenta a parcela das energias renováveis no mix energético, diz o comunicado.

A nota informa ainda que os líderes do G-7 reforçaram seu compromisso de trabalhar com a Argentina para atingir a neutralidade climática até 2050. O país sul-americano está na cúpula do G-7 como convidado.

Gabriel Bueno da Costa (Agência Estado)

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade