25.8 C
Vitória
terça-feira, 27 outubro, 2020

Conamp: ‘deve-se ter um olhar sobre o impacto da decisão antes dela ser tomada’

Leia Também

ES lança primeiro portal específico para desaparecidos do País

As famílias de pessoas desaparecidas no Espirito Santo, ganharam uma arma poderosa para ajudar nas buscas dos parentes

Fundo para municípios do sul deve ser extinto

O Fundo de Desenvolvimento Econômico do Sul do Espírito Santo (Fundesul) será extinto. A medida está no Projeto de Lei (PL) 511/2020, encaminhado pelo governador Renato Casagrande (PSB) à Assembleia Legislativa (Ales).

Bandes abre linha de crédito para empresas capixabas

Os micro, pequenos e médios empresários capixabas vão ganhar apoio econômico para a retomada da economia no Estado.

Além disso, na avaliação da associação, a discussão do caso ‘reforça a bandeira da prisão em segunda instância’

Por Pepita Ortega (AE)

A Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp) divulgou nota nesta quarta, 14, defendendo a decisão do Plenário do Supremo Tribunal Federal para mandar André de Oliveira Macedo, o André do Rap, apontado como um dos chefes do PCC, de volta à prisão. Os ministros já formaram maioria para referendar a decisão do presidente da Corte, Luiz Fux, que derrubou liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello. O julgamento será retomado na tarde desta quinta, 15.

Segundo a Conamp, a decisão do Supremo ‘corrige uma interpretação isolada’ sobre o artigo 316 do Código de Processo Penal que passou a prever a revisão, de ofício, a cada 90 dias, por parte da autoridade judiciária, da prisão preventiva decretada.

Em nota, a entidade apontou ainda que ‘as rotinas de atuação e de metodologia, habituais à atuação forense não podem justificar uma decisão que coloca em liberdade um cidadão extremamente perigoso, que já causou dano social gigantesco.

“Deve-se ter sempre um olhar sobre o impacto da decisão antes dela ser tomada. Neste caso, a participação e contribuição do Ministério Público são fundamentais”, escreveu Manoel Murrieta, presidente da Associação.

A entidade defende que o entendimento ‘mais adequado’ para artigo 316 do CPP é o de que a revisão de prisões preventivas é ‘desnecessária’ quando já há uma condenação. A posição foi defendida por ministro durante o julgamento que teve início nesta quarta, 14. Além disso, na avaliação da associação, a discussão do caso ‘reforça a bandeira da prisão em segunda instância’.

“A decisão do ministro Luiz Fux de levar o caso ao plenário da Suprema Corte, assim como, o resultado parcial, mas já conclusivo da votação, são importantes para pacificar o assunto em um momento preocupante em que uma interpretação equivocada pode trazer problemas futuros para outros processos similares”, afirma ainda a Conamp em nota.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Mourão reitera defesa de viés liberal do governo

Segundo o vice-presidente,o País prevê exportar cerca de 30 milhões de toneladas de açúcar e 3 bilhões de litros de etanol neste ano

Bolsonaro acusa Doria de aumentar impostos na pandemia

O pacote de medidas inclui a extinção de estatais e fundações com o objetivo de poupar despesas no Orçamento do próximo ano

Indicado à Anvisa assinou contrato suspeito de irregularidade na Saúde

Na última segunda-feira, dia 19, a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado aprovou duas outras indicações feitas por Bolsonaro à Anvisa

Líder de governo na Câmara diz que Constituição tornou o Brasil ‘ingovernável’

"O poder fiscalizador ficou muito maior que os demais" e, por isso, seria necessário também "equilibrar os Poderes" no país, comentou Barros

‘Se há rusga, comandante tem que intervir’, diz Mourão

No domingo, 25, Salles pediu "desculpas pelo excesso", enquanto Ramos disse que "uma boa conversa apazigua as diferenças"

Forças Armadas estão prontas para defender pátria e liberdade, diz Bolsonaro

O presidente destacou que será possível "transformar de forma irreversível nossa operacionalidade e nossa capacidade logística"

ES Brasil Digital

Capa ES Brasil 181
Continua após publicidade

Fique por dentro

Ajuste fiscal passa por reformas que aumentam produtividade, diz Bruno Funchal

Funchal disse que o teto dos gastos já endereçou o primeiro problema estrutural da questão fiscal brasileira

Pet – Um mercado sem crise

Segmento cresce na mesma proporção que o amor dos tutores por seus "filhos" A gente ama, cuida e não vive sem. Sendo eles pequenos, peludinhos...

Governo revisará projeção de queda do PIB para 2020 em novembro, diz secretário

"Todos os indicadores de atividade mostram um forte recuperação em V da economia", afirmou Waldery

Boletim aponta queda no turismo do Espirito Santo

O secretário de Estado de Turismo, Dorval Uliana, destacou a importância deste acompanhamento sistematizado, que permite o planejamento de ações cada vez mais eficientes

Vida Capixaba

Recept: Turismo receptivo ganha representação

Com o objetivo de ajudar a fortalecer o setor de turismo receptivo brasileiro, que conta com mais de 3 mil agências, foi lançada, nesta terça feira (27) a Recept (Associação Brasileira de Turismo Receptivo).

Qualificar ES abre 26 mil vagas em cursos on-line

O programa Qualificar ES abriu 26 mil vagas em cursos on-line gratuitos. Aqueles que possuem mais de 16 anos e acesso à internet já podem se inscrever.

Espírito Santo ganha novo espaço cultural

Os capixabas vão poder contar com mais um espaço para o crescimento e fomento da cultura no Estado

Banestes promove ações de conscientização

As ações são para conscientização e em apoio à Semana da Segurança Digital
Continua após publicidade