22.7 C
Vitória
quarta-feira, 29 maio, 2024

Chefes das FFAA vão à Câmara reclamar de corte no Orçamento

Segundo comandantes das 3 forças, parte dos cortes ocorreram na elaboração do Orçamento pelo Legislativo

O ministro da Defesa, José Múcio, e os comandantes das Forças Armadas participam de audiência nesta quarta-feira, 17 na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados. Na sessão, os militares reclamam dos cortes no Orçamento. Marcos Sampaio Olsen, da Marinha, por exemplo, alertou que o valor alocado para munição e combustível estão abaixo do que é necessário ou do mínimo aceitável.

“A Defesa é um importante setor que carece de atenção e investimento”, afirma Múcio. Já Olsen apontou que houve um índice de perda de 46% na capacidade orçamentária no setor de Defesa nos últimos dez anos. “A Marinha tem adotado uma redução de efetivo de maneira a tornar o orçamento mais eficiente”, diz Olsen. Ele argumenta que alguns desses programas afetados poderia produzir empregos diretos e indiretos.

- Continua após a publicidade -

Segundo o comando, parte dos cortes ocorreram na elaboração do Orçamento pelo Legislativo. Na apresentação que expôs aos deputados, chamou essa fase de “momento legislativo” e disse que as perdas foram de 5,6%.

Tomas Miguel Miné Ribeiro Paiva, comandante do Exército elencou que unidades de combate do Exército brasileiro estão ficando ultrapassadas. Caso de blindados, que, segundo ele, estão com 20 anos de defasagem.

Também participa da audiência o comandante da Aeronáutica, Marcelo Kanitz Damasceno. Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA