Incêndio está destruindo Catedral Notre-Dame, em Paris

Imagem do início do incêndio, quando torre central ainda não havia caído (Fotografia - Agência Efe)

A igreja construída no século XII é um dos patrimônios culturais da humanidade pela Unesco

Catedral de Notre-Dame em chamas. O marco histórico mundial, localizado na capital francesa, está sendo consumido pelas chamas. Um incêndio de grandes proporções atingiu a Catedral de Notre-Dame, em Paris, na tarde desta segunda-feira (15). O início foi por volta das 19 horas em horário local, o que seria 14 horas no horário de Brasília.

O fogo foi relatado primeiro por usuários em redes sociais. De acordo com o canal G1, não está claro ainda o que o causou. Mas pode estar relacionado a uma obra que vinha sendo feita no telhado. A emissora France 2 disse que a polícia está tratando o caso como um acidente. Não há relatos de feridos até o momento.

“Um incêndio terrível está acontecendo na Catedral de Notre-Dame. Os bombeiros de Paris estão tentando dominar as chamas (…) Peço a todos que respeitem o perímetro de segurança”, escreveu a prefeita de Paris, Anne Hidalgo, no Twitter.

A polícia isolou a área e está retirando os turistas que havia dentro da catedral.

Pouco mais de uma hora depois do início do fogo, procuradoria de Paris abriu uma investigação para averiguar as causas do incêndio, informou o jornal “Le Figaro”.

(Fotografia – Agência Efe)
Obras

Uma grande operação dos bombeiros está tentando controlar as chamas, que afetam sobretudo a torre central da catedral, visitada por milhares de pessoas todos os dias.

Também há chamas saindo das duas torres dos sinos, de acordo com testemunhas no local.

O incêndio pode estar ligado às obras que vinham sendo feitas no telhado do edifício. A torre central estava rodeada por um andaime. Imagens postadas em rede social mostram que uma parte dela caiu em meio às chamas. Testemunhas afirmam que o telhado também desmoronou.

A Catedral de Notre Dame

A Catedral de Notre-Dame de Paris é uma das mais antigas catedrais francesas em estilo gótico. Dedicada à Maria, mãe de Jesus, situa-se na praça Paris, na pequena ilha Île de la Cité s, França, rodeada pelas águas do Rio Sena

Sua construção teve início no ano de 1163. Mas foi finalizada somente em 1345. Isso significa que sobreviveu a ação da natureza e do homem por mais de 850 anos.

Na frente da Catedral fica o marco zero de Paris, ponto central geográfico da cidade, e também o KM 0 para contagem das rotas de toda a França. Reza a lenda, que colocar os pés no Marco Zero é a certeza de que retornará a Paris. Um história bem triste do local, é  que em 1314, na praça, hereges foram condenados à fogueira pela igreja católica da época.

A Catedral era visitada por mais 22 milhões de turistas por ano, entre eles, muitos se dispunham a subir os 387 degraus de uma das torres, em uma escada caracol, com degraus curtos e gastos depois de 850 anos de uso.

No campanário da Catedral os turistas está Emannuel, nome dado ao sino, instalado há 331 anos, símbolo da resistência às guerras e revoluções. Pesando 13 toneladas, ele só é tocado em datas especiais para os cristãos (Natal, Páscoa, Pentecostes, Anunciação ou quando o papa morre). Foi o sino Emannuel que anunciou o fim das duas Guerras Mundiais.

Quasímodo, o Corcunda de Notre Dame, célebre personagem do livro de Victor Hugo que ganhou o mundo, viveu no alto das torres de Notre Dame. Na catedral, há 56 quimeras – estátuas de seres grotescos e mágicos – que foram adicionadas na reforma de 1847 – 1864.

Confira fotos da Catedral de Notre Dame, aqui.

*Da redação com informações da Agência Efe, G1, Le Monde e Le Figaro. Em atualização

Conteúdo Publicitário