Aprenda a poupar e a investir com bons livros

(Fotografia - Shutterstock)

Bom livros podem ajudar a você e a sua família a entrar nos eixos 

Mesmo com tantos bons exemplos nas prateleiras das livrarias e até on-line, os brasileiros ainda não adquiriram o hábito de poupar. Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostrou que 45% dos entrevistados chegam ao fim do mês sem sobras no orçamento, muitas vezes tendo que fazer malabarismos até mesmo para pagar as contas.

Sabemos que o processo de educação financeira é longo. Mas sempre vale ler histórias para se inspirar – e para aprender o caminho das pedras. Isso não significa que você pode acreditar em tudo o que vê.

“É preciso aprender a entender e filtrar as informações recebidas, pois muitas não são aplicáveis em seu dia a dia. Não há uma solução miraculosa para transformar suas finanças da noite para o dia”, avisa José Vignoli, educador financeiro do SPC Brasil.

“Não existem fórmulas mágicas para enriquecer e poupar dinheiro. Investir requer acima de tudo estudo, planejamento, trabalho e paciência”, acrescenta a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

Para ajudar você a entender os princípios da educação financeira e melhorar a sua relação com o dinheiro, preparamos uma lista de livros para aprender a poupar que são sucessos de venda e prometem ensinamentos financeiros que, se bem aplicados, podem ser duradouros em sua vida. Confira:

(Fotografia – Divulgação)

Pai Rico, Pai Pobre – Robert T. Kiyosaki

Este é um dos livros para aprender a poupar mais lembrados quando o assunto é finanças pessoais. A obra-prima de Kiyosaki questiona a forma como o sistema educacional não nos prepara para lidar com o mundo real, principalmente com o nosso dinheiro. Para o autor, cada pessoa tem a opção de controlar o próprio destino ou delegá-lo a alguém.

Kiyosaki conta como aprendeu com o pai de um colega a poupar, administrar e a investir seu dinheiro – e mostra como a mentalidade das pessoas no geral pode ser destrutiva nesse aspecto.

 

(Fotografia – Divulgação)

Independência Financeira – Robert T. Kiyosaki

Nessa obra, o autor de “Pai Rico, Pai Pobre” é ainda mais ousado e questionador. Kiyosaki questiona o valor que as pessoas costumam atribuir à combinação de emprego estável e salário fixo. Para ele, essa mentalidade conformista é o que causa tanta oscilação e insucessos financeiros. Usando exemplos de pessoas que largaram o ambiente acadêmico e a segurança dos empregos tradicionais, como Bill Gates, a proposta desse livro é te impulsionar a realizar mudanças profissionais e econômicas realmente significativas e buscar com mais afinco a sua libertação financeira.

(Fotografia – Divulgação)

Como Organizar Sua Vida Financeira – Gustavo Cerbasi

Depois do sucesso de “Casais Inteligentes Enriquecem Juntos”, Cerbasi traz nesta obra dicas e ensinamentos de ordem prática para acabar com o caos financeiro que domina a vida de tantas pessoas.

O autor percorre um caminho bastante definido até a organização completa das finanças, começando com um diagnóstico da situação atual, estabelecendo metas para a independência financeira e analisando perfis de consumo e investimentos. O livro aborda até mesmo os temas mais complexos, como uso do crédito e a declaração do Imposto de Renda.

(Fotografia – Divulgação)

Os Segredos da Mente Milionária – T. Harv Eker

Na obra, o autor propõe uma reflexão constante sobre o conjunto de crenças das pessoas que as levam a tomar determinadas decisões e moldar o seu destino financeiro.

Eker é enfático ao afirmar que o dinheiro é quem precisa trabalhar para as pessoas, e não o contrário, reforçando a necessidade de poupar e investir sempre para alcançar seus objetivos.

 

(Fotografia – Divulgação)

Me Poupe! 10 passos para nunca mais faltar dinheiro no seu bolso – Nathalia Arcuri

Nathalia Arcuri se autointitula uma “poupadora compulsiva”. Dona de um canal no YouTube com milhões de inscritos e visualizações, a autora utiliza uma linguagem muito simples e prática para traçar um caminho muito bem definido até a independência financeira.

Sua proposta é mostrar com clareza que poupar não é simplesmente acumular dinheiro, mas estabelecer metas e prioridades para a realização dos sonhos.

 

(Fotografia – Divulgação)

O Investidor Inteligente – Benjamin Graham

Setenta anos depois da sua primeira edição, o livro de Benjamin Graham ainda continua super atual e leva o apelido de “bíblia dos investimentos”, talvez um dos principais livros para aprender a poupar. O autor apoia seus ensinamentos para os investidores sobre um tripé composto por educação financeira, conhecimento pleno do mercado e uma visão de longo prazo.

O tempo consolidou a obra de Graham como um grande de manual de ajuda para investidores e você também pode usar toda essa sabedoria para suas próprias aplicações.

 

*Da redação com informações do site Meu Bolso Feliz

Conteúdo Publicitário