Aniversário de Vitória repleto de atrações culturais

Fotografia - Wilbert Suave

Maratona cultural e festivais de cinema e de música fazem parte da programação

Setembro é um mês especial para o capixaba. Além de celebrar a independência de nossa Nação, no dia sete de setembro, nós festejamos o aniversário de nossa capital Vitória, no dia oito. Este ano, a programação dos 467 anos do município contará com atividades culturais e esportivas que seguirão durante todo o mês.

O prefeito de Vitória, Luciano Rezende, revela que, mesmo em tempo de crise, o foco da gestão é tornar a cidade mais justa e feliz para todos os moradores, comerciantes e visitantes. “Eu sempre tive o sonho de liderar essa cidade. Vitória é minha paixão. Deus e a população me deram essa oportunidade e depois me deram de novo a oportunidade de continuar liderando nossa linda capital. Estamos focados em transformar Vitória numa capital cada vez melhor para se viver, morar e trabalhar. Tornar Vitória uma cidade cada vez mais inteligente, porque uma cidade inteligente presta melhores serviços, principalmente aos que mais necessitam”, destacou Rezende.

Atrações

Para começar, o audiovisual nacional entrará em cena com a 25ª edição do “Festival de Cinema de Vitória”, dos dias três a oito. Ao todo, serão exibidos 89 filmes, em 11 mostras competitivas: a estreante Mostra Nacional de Cinema Ambiental; a Mostra Competitiva Nacional de Curtas; a Mostra Competitiva de Longas; a Mostra Foco Capixaba; a Mostra Corsária; a Mostra Quatro Estações; o Festivalzinho de Cinema de Vitória; a Mostra de Animação; a Mostra Mulheres no Cinema; a Mostra Cinema e Negritude; e a Mostra Nacional de Videoclipes. A estimativa de público é de 30 mil pessoas, ao longo dos seis dias de evento.

Dois filmes premiados em festivais nacionais e internacionais também serão exibidos em sessão especial, mas fora de competição. São os curtas-metragens “Boca de Fogo”, de Luciano Pérez Fernández, e “Nova Iorque”, de Léo Tabosa, que chegam ao Teatro Carlos Gomes na última noite do evento.

Debates entre pesquisadores de cinema, realizadores e público também fazem parte das atividades, além de lançamentos de DVDs, livros e outras publicações.

Nessa edição, as atividades do festival serão divididas em três espaços: no Teatro Carlos Gomes, no Centro de Vitória, onde ocorrem as mostras, as sessões especiais e as homenagens; o Hotel Senac Ilha do Boi, que recebe debates com os realizadores; e a Universidade Vila Velha (UVV), com oficinas na parte da manhã e no início da tarde.

Ao final da programação, as melhores produções serão premiadas com o Troféu Vitória, em todas as mostras competitivas. Ao todo serão distribuídos mais de 20 troféus, além das possíveis menções honrosas. A escolha dos filmes premiados é feita por júris formados por profissionais com inserção e carreira na área audiovisual reconhecida.

Lançado no aniversário de 2017, o monumento Vitória 360º está passando por intervenção artística pela mãos do artista Ficore. A inauguração do novo visual será na festa deste ano. (Fotografia – Jackson Gonçalves)

O Festival ainda investe nas ações de formação, com cursos ministrados por nomes importantes do cenário audiovisual nacional. Para a 25ª edição, são ofertadas sete oficinas, sendo três inéditas, que contemplam todas as etapas de produção cinematográfica, desde a elaboração e gestão de um projeto até a crítica cinematográfica.

Assim como nas últimas edições, o Festival de Cinema de Vitória reserva um espaço para as apresentações musicais e atividades paralelas às exibições e homenagens. Nesse ano, o Lounge do Festival recebe, entre outras atrações, o pocket show “Atendendo a pedidos”, da atriz e cantora Zezé Motta, e o show de Chico Chico e João Mantuano.

Música

Seguindo o calendário de atrações, a estrela do show passa a ser o cenário musical com o “Vitória Music Festival”. É o segundo ano da atração, que será realizada nos dias seis e sete, na casa de espetáculos “Ilha Show”. A estrutura contará com três ambientes, sendo dois para as apresentações e um para o foodpark – local onde estará disponível uma programação gastronômica diferenciada.

Para o primeiro dia estão confirmadas as bandas Hungria, KVSH, Gabrá (1 Kilo), Xamã, WC No Beat, Jess Benevides e Macucos. O segundo já começa com a atração internacinal Sevenn, dos Estados Unidos, continuando com Felguk, Dubdogz, Devochka, Elekfantz, Lowderz, Ricci, Jess Benevides, Brunelli, Firejack e Sillaz.

O Theatro Carlos Gomes participará das atividades do Viradão Cultural. (Fotografia – Wilbert Suave)
Maratona Cultural

Continuando na pegada cultural, a Prefeitura de Vitória promoverá a terceira edição da “Viradão Cultural”. Entre sete e oito de setembro, das 16 horas do primeiro dia até às 22 horas de sábado, o centro histórico receberá o evento multicultural que reúne música, dança, teatro, literatura e cinema.

São cerca de 80 atrações para as 30 horas de evento, que estão distribuídas pelo corredor cultural, com apresentações culturais na Casa Porto das Artes Plásticas, na Escola Técnica Municipal de Teatro, Dança e Música Fafi, nas praças Oito e Ubaldo Ramalhete, nas ruas do Rosário, Gama Rosa e Sete, além da Biblioteca Municipal Adelpho Poli Monjardim, o Museu Capixaba do Negro “Verônica da Pas” (Mucane) e o Parque Moscoso.

Outros espaços culturais da região estarão participando do evento, como o Museu de Arte do Espírito Santo (Maes), a Galeria Homero Massena, o Palácio Anchieta e o Teatro Carlos Gomes. Seguindo a tendência lançada na segunda edição do Viradão Vitória, as atrações que compõem a programação do evento foram selecionadas por meio de edital de seleção, que foi elaborado com o objetivo de tornar mais transparentes e democráticas a escolha e participação dos artistas.

Programação cultural de aniversário

Festival de Cinema de Vitória
Datas: 3 a 8 de setembro
Locais: Teatro Carlos Gomes, Hotel Senac Ilha do Boi e UVV
Informações: www.festivaldevitoria.com.br

Viradão Vitória
Datas: 7 e 8 de setembro
Horário: Das 16h (7) até às 22h (8)
Locais: Casa Porto das Artes Plásticas, Fafi, praças Oito e Ubaldo Ramalhete, ruas do Rosário, Gama Rosa e Sete, Biblioteca Municipal Adelpho Poli Monjardim, o Museu Capixaba do Negro “Verônica da Pas” (Mucane), Parque Moscoso, Museu de Arte do Espírito Santo (MAES), Galeria Homero Massena, Palácio Anchieta e Teatro Carlos Gomes

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!