25.9 C
Vitória
domingo, 23 junho, 2024

Thiago Wild vence no qualificatório do Masters 1000 de Miami

Brasileiro mais bem colocado no ranking mundial, na 76ª posição, Thiago Wild passou pelo bósnio Damir Dzumhur, 153º do mundo, por 2 sets a 0

O tênis brasileiro acumulou uma vitória e duas derrotas nesta segunda-feira, primeiro dia do qualificatório do Masters 1000 de Miami. Thiago Wild precisa vencer mais uma vez para entrar na chave principal do torneio americano. Thiago Monteiro e Felipe Meligeni Alves levaram virada e foram eliminados.

Brasileiro mais bem colocado no ranking mundial, na 76ª posição, Thiago Wild passou pelo bósnio Damir Dzumhur, 153º do mundo, por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/2. “Ele é um jogador experiente, não podia bobear. Comecei bem o jogo, me sentindo bem em quadra”, afirmou o brasileiro sobre o rival, de 31 anos e que chegou a ser o 23º do mundo. “O saque também entrou hoje e me mantive sólido, firme, mesmo quando abri boa vantagem no segundo set”, completou ele, que venceu 71% dos pontos com primeiro saque e 57% no segundo, porcentagem bem melhores do que o rival (61% e 33%, respectivamente).

- Continua após a publicidade -

“Foi uma boa vitória, mas preciso de mais uma amanhã para entrar na chave, então não dá para comemorar muita coisa ainda”, afirmou Wild, que enfrenta pela primeira vez o francês Hugo Grenier, 137º do ranking, que venceu o australiano Thanasi Kokkinakis por 6/4 e 6/1.

“E a torcida aqui sempre ajuda muito, parecia o Rio Open com muita gente, muito bom. Espero que amanhã estejam aqui de novo torcendo”, completou. A torcida brasileira, sempre em grande número em Miami, não conseguiu presenciar mais vitórias do país, apesar do bom começo de Thiago Monteiro e Felipe Meligeni Alves

Monteiro, 110º do mundo, disputou três sets e dois tie-breaks contra o australiano Adam Walton, 134º do ranking. O brasileiro venceu o primeiro set por 7/6 (7/5), mas depois levou a virada. Walton marcou 7/6 (7/3) e 6/4 nos sets seguintes.

Já Meligeni Alves, 134ª colocação do ranking, começou bem contra o belga Zizou Bergs, 114º, e venceu o primeiro set por 6/2, mas não conseguiu segurar a reação do rival que fez 6/1 e 6/4. Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA