23.9 C
Vitória
domingo, 28 novembro, 2021

Terrorismo: Estado Islâmico reivindica autoria de atentado em Nice

Informação foi divulgada na manhã deste sábado (16) pela agência Amaq, que é ligada ao grupo jihadista

O grupo radical Estado Islâmico (EI) reivindicou, neste sábado (16), a autoria do massacre em Nice, no sul da França, nesta quinta-feira (14), durante as comemorações da queda da Bastilha. O ataque, feito por um motorista que avançou com um caminhão entre as pessoas que estavam à beira-mar, deixou 84 mortos e 200 feridos.

“O autor da operação é um soldado do Estado Islâmico. Executou a operação em resposta aos chamados para atacar cidadãos dos países da coalizão internacional que lutam contra o EI no Iraque e na Síria”, afirmou a agência Amaq, ligada ao grupo jihadista.

O motorista, que era tunisiano e residia em Nice, foi identificado como Mohamed Lahouaiej-Bouhlel, de 31 anos. Ele foi morto pela polícia francesa durante o atentado. Outras três pessoas que possivelmente estão ligadas ao ataque, foram presas neste sábado, subindo para cinco o número de detidos.

O primeiro-ministro da França, Manuel Valls, afirmou nessa sexta-feira (15) que o país irá ganhar a guerra contra o terrorismo, mesmo admitindo que novos atentados possam vir a acontecer.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade