25.5 C
Vitória
quarta-feira, 17 DE julho DE 2024

Suzano usa caminhão elétrico com capacidade para 120 toneladas

O veículo é o primeiro elétrico do Brasil a alcançar a capacidade máxima e está sendo testado no transporte de celulose, na unidade de Aracruz 

Por Redação

O primeiro veículo elétrico do Brasil a alcançar a capacidade máxima de tração (CMT) de até 120 toneladas começou a ser testado pela Suzano no transporte de celulose, na unidade da empresa em Aracruz, no Norte do Espírito Santo. A utilização do veículo ocorre por meio de uma parceria entre a Suzano, referência global na produção de bioprodutos a partir do cultivo de eucalipto, e a VIX Logística, empresa do Grupo Águia Branca especializada em soluções logísticas.

- Continua após a publicidade -

Chamado de Atlas, em referência ao titã mitológico, que foi castigado por Zeus a carregar o mundo nas costas, o caminhão está sendo integrado às operações de transporte da Suzano em Aracruz, marcando um passo significativo na transição energética da frota utilizada no transporte de celulose. A parceria reforça o compromisso da empresa com a inovação sustentável e busca avaliar o desempenho do veículo em condições operacionais reais.

Além de estratégica, a iniciativa está alinhada aos Compromissos para Renovar a Vida, um conjunto de metas de longo prazo que a Suzano estabeleceu para contribuir com a construção de um mundo melhor para as pessoas e para o planeta. Uma das metas é combater a crise climática reduzindo as emissões de gases do efeito estufa na atmosfera. O teste com veículo elétrico está alinhado a esse objetivo e tem potencial para reduzir em até 20% a emissão de poluentes no trajeto entre a fábrica e o Portocel, terminal por onde a produção é exportada.

“A parceria com a VIX Logística é estratégica para nós, e esse teste representa um marco em nossos esforços para impulsionar a inovação em nossas operações. Acreditamos que essa iniciativa abre caminho para soluções de transporte mais limpas e eficientes”, afirma Beatriz Nalevaiko Venturini, gerente de Excelência Operacional da Suzano.

Caminhão

O caminhão elétrico com capacidade para 120 toneladas representa um avanço considerável em relação às capacidades convencionais de carga no mercado, que giram em torno de 40 toneladas totais (peso do caminhão + carga). Desenvolvido a partir de um chassi Mercedes Benz modelo Axor 3344, o Atlas passou por um processo de adaptação para operar com propulsão elétrica. Graças às baterias de fosfato de ferro-lítio (LFP), o veículo pode economizar até 8.300 litros de diesel por mês e evitar a emissão de cerca de 21 toneladas de CO2.

Elias Alves, diretor da VIX e responsável pelo VIVA – VIX Veículos Autônomos, vertical de negócios que desenvolveu o caminhão elétrico Atlas, destaca que a iniciativa está alinhada à cultura inovadora da empresa. “Ter um drive de inovação dentro da empresa nos permite testar soluções criativas e arrojadas. A adoção de tecnologias eficientes e sustentáveis é uma grande tendência do mercado, e a VIX se destaca nesse movimento, mantendo-se na vanguarda do setor de logística”.

A Suzano e a VIX Logística iniciaram os testes do Atlas em maio. A autonomia do veículo, assim como seu desempenho operacional, será cuidadosamente monitorada durante os primeiros meses, com a intenção de expandir a alternativa para outras operações da empresa.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA