22.1 C
Vitória
terça-feira, 23 abril, 2024

Startup capixaba é acelerada com recursos dos royalties de petróleo

A startup capixaba Actiz foi uma das selecionadas para o programa de aceleração Funses1, ligado ao Fundo Soberano

Por Amanda Amaral 

A Actiz – startup capixaba especializada na otimização de laboratórios de controle de qualidade, foi acelerada pelo Fundo de Investimentos em Participação (FIP) Funses 1, vinculado ao Fundo Soberano do Espírito Santo – que utiliza recursos provenientes da indústria do petróleo e do gás natural.

- Continua após a publicidade -

A empresa, assim como outras quatro, participaram da primeira rodada de aceleração com objetivo de desenvolver e firmar sua atuação no Brasil e no Espírito Santo. Actiz contou com o apoio de uma rede de mentores especialistas e profissionais de áreas-chave, como contabilidade, jurídica, marketing, entre outras, de acordo com o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes).

A empresa capixaba também pretende direcionar os recursos para desenvolver diversos setores da organização, como marketing e vendas. O CEO e co-fundador da Actiz, Ramon Spinassé, disse que passar por esse processo de aceleração foi crucial para o crescimento da empresa:

“Acredito que o processo de aceleração nos elevou em poucos meses a um patamar de maturidade dos negócios e que talvez, sem esse processo, levaríamos anos para alcançar. Hoje, podemos dizer que estamos ainda mais prontos para otimizar laboratórios ao redor do mundo”, destacou.

Controle de qualidade 

Tudo o que é produzido nas indústrias e todos os processos internos e externos de uma empresa passam por um controle de qualidade dentro de laboratórios. A tecnologia adotada para gerir esses locais é chamada de Sistema de Gerenciamento de Informações de Laboratórios (LIMS).

Com metodologia própria, a Actiz criou o ActizLab, sistema LIMS desenvolvido exclusivamente pela empresa, que atua otimizando a gestão de laboratórios de controle de qualidade. De acordo com Ramon Spinassé, o ActizLab foi criado para ir além de um sistema que apenas coleta e processa dados.

Com uma solução Business Intelligence integrada, capaz de analisar os dados e gerar indicadores e gráficos de tendências, o sistema permite conectar o laboratório com o resto da companhia, contribuindo para uma melhor tomada de decisões e o avanço dos objetivos corporativos.

Indústria de transformação 

O objetivo da Actiz para os próximos anos é atuar nas indústrias de transformação brasileira, modernizando e otimizando seus laboratórios de controle de qualidade: “Nos últimos anos de operação, a Actiz já vinha crescendo organicamente e agora com o apoio do Funses 1 já estamos colhendo resultados. Conseguimos iniciar as vendas do nosso sistema para indústrias brasileiras e estamos nos mudando para uma nova sede maior e contratando novos colaboradores”, salientou Spinassé.

startup capixaba
O objetivo é atuar nas indústrias de transformação, segundo o CEO da empresa, Ramon Spinassé. Foto: Divulgação/Bandes

Para a gerente de Participações e Investimentos do Bandes, Ivone Pontes, a Actiz tem diversas oportunidades com o apoio do FIP Funses 1, visto o potencial da empresa de atuação dentro do mercado e por contar com recursos muito vantajosos para o desenvolvimento de negócios direcionados para a inovação.

“O apoio recebido pela Actiz não foi somente financeiro. É importante frisar que a Actiz passou por um ciclo de monitoria e aprendizado, recebendo um diagnóstico organizacional que apontou necessidades que variavam conforme a empresa e a maturidade, e eles trabalharam nesses pontos, ao longo do programa de aceleração”, afirmou.

Sobre a Actiz

A Actiz é uma startup capixaba especializada na otimização de laboratórios de controle de qualidade, independente do porte ou segmento, e oferece soluções digitais, com a implementação rápida a um custo acessível para os laboratórios.

Criada em 2017, a empresa vem se destacando nas operações internacionais que realiza e já atua em indústrias farmacêuticas, alimentícias, cimenteiras, químicas e petroquímicas de diversos países, como Colômbia, Chile, Costa Rica, Irlanda, Itália, México e Peru.

 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA