24.4 C
Vitória
domingo, 19 maio, 2024

Silveira: crise no Oriente pode não impactar combustíveis

Ministro afirmou que ‘espera’ que a crise entre Irã e Israel não provoquem um aumento de preços nos combustíveis no Brasil

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, afirmou esperar que a crise no Oriente Médio não influencie os preços dos combustíveis no mercado interno. “Temos uma expectativa muito grande de que as coisas vão andar bem e que a gente não vai ter aumento [de preços] em consequência da crise”, disse a jornalistas após evento realizado em Brasília.

Ele afirmou que um grupo de trabalho montado pelo governo federal acompanha, em tempo real, as oscilações dos preços no mercado internacional.

- Continua após a publicidade -

“Para continuarmos com os preços competitivos no Brasil. Nós sabemos que esses preços criam ciclo virtuoso”, defendeu Silveira. “Naturalmente dizer que o combustível não vai aumentar não é adequado porque nós temos que garantir e equilibrar entre não faltar suprimentos e ter os melhores preços”, disse ao explicar que a expectativa é de que não haja aumentos relacionados à crise, mas sem descartar eventuais aumentos por outras razões. Com informações de Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA