Sala manifestou medo antes da decolagem de avião desaparecido

Foto: Getty Images

O jogador do Cardiff, do País de Gales, enviou um áudio, de 57 segundos, criticando a qualidade do aeronave

Emiliano Sala estava a bordo do avião que desapareceu na noite da última segunda-feira (21). Minutos antes da decolagem, o jogador do Cardiff, do País de Gales, enviou um áudio a amigos, informando a insegurança da aeronave.

O avião em que ele e o piloto estavam desapareceu a cerca de 20 quilômetros ao norte da ilha Guernesey, próximo ao Canal da Mancha – trecho de mar que separa o norte da França do sul da Grã-Bretanha.

No áudio de 57 minutos, Sala desabafou e disse se não desse sinal de vida em 1 hora e meia, algo teria acontecido.”Estou aqui em cima, em um avião que parece que está a cair os pedaços e estou indo para Cardiff logo pela manhã. Se em uma hora e meia não tiver novidades minhas, não sei se vão mandar alguém me buscar, porque não vão me encontrar mas… já sabe. Deus! Que medo eu tenho”, disse.

Um alerta foi emitido às 20h23 (horário local, 17h23 no horário de Brasília) de segunda-feira de que uma aeronave leve tinha saído do radar aproximadamente 15 milhas ao norte de Guernsey. Imediatamente a guarda costeira iniciou uma grande operação de busca e resgate. Helicópteros e botes salva-vidas estiveram envolvidos na busca do PA 46 Malibu, de turbina única.

Confirmação de desaparecimento

Nessa terça-feira (22), autoridades britânicas e da França fizeram buscas na região, mas informaram que foram encontrados apenas objetos flutuando na água, mas não pôde confirmar se algum deles pertencia à aeronave desaparecida.

Segundo as autoridades, o avião carregava apenas dois passageiros, sendo um deles o atleta. Após 15 horas de buscas, a polícia de Guernsey, na Inglaterra, informou que foram suspensas.

Emiliano Sala

O jogador de 28 anos deixou a Argentina ainda na juventude para reforçar a base do Bordeaux. Começou a jogar no time principal do clube, mas foi emprestado a times menores, até se transferir para o Nantes, em 2015. Sala foi transferido para o Cardiff, do País de Gales, onde disputaria o Campeonato Inglês.

O jogador estava indo à cidade galesa justamente para assinar seu contrato com o clube que pagou 15 milhões de libras (aproximadamente R$ 74 milhões) na negociação, valor recorde para o Cardiff.

Conteúdo Publicitário