Norte-americana é a primeira mulher a ganhar prêmio de matemática

Foto: Andrea Kane/Institute for Advanced Study

Karen Uhlenbeck, 76 anos, recebeu o Prêmio Abel de Matemáticas 2019 

Pela primeira vez, uma mulher recebeu um prêmio importante de matemática. A pesquisadora norte-americana Karen Uhlenbeck, de 76 anos, estuda equações derivadas parciais, e ganhou o Prêmio Abel de Matemáticas 2019, segundo a Academia Norueguesa de Ciências e Letras.

Referência também na luta pela igualdade de gênero nas ciências e matemática, Karen realiza um trabalho que estabelece as bases para modelos geométricos contemporâneos em matemática e física.

A pesquisadora é co-fundadora do programa Women and Mathematics do Instituto (WAM), criado em 1993 para recrutar e capacitar mulheres para liderar em pesquisa matemática em todas as fases de suas carreiras acadêmicas.

Além disso, Karen é pesquisadora visitante em pesquisas na Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, membro associado no Instituto de Estudos Avançados (IAS). Ela também é é uma das fundadoras do Instituto de Matemática Park City (PCMI).

Prêmio

O Prêmio Abel reconhece contribuições para o campo da matemática. A escolha do vitorioso é baseada em recomendações do Comitê Abel, composto por cinco matemáticos reconhecidos internacionalmente.

*Da redação com informações da Agência Brasil

Conteúdo Publicitário