25.4 C
Vitória
terça-feira, 2 junho, 2020

Petróleo e gás: Cenários, oportunidades e desafios

Leia Também

Mais de 14 mil casos confirmados do novo coronavírus no ES

Segundo o “Painel Covid”, administrado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), chegou a 14.285 o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Espírito Santo.

Novas regras adotadas para o comércio a partir desta segunda-feira (1º)

As novas regras para galerias, centros comerciais, academia, shoppings e restaurantes de Vila Velha foram publicadas no Diário Oficial do município desse domingo (31).

Parque de iluminação de Vila Velha será modernizado e ampliado

O edital para contratação da empresa que realizará o serviço foi lançado na sexta-feira (29), nos Diários Oficiais do Município, Estado e da União, além de jornais de circulação nacional.

Segundo trimestre deve ser bem pior para o PIB, diz presidente do BC

Ao avaliar os dados de atividade, Roberto Campos Neto também afirmou que houve uma piora crescente da expectativa entre agentes econômicos sobre o PIB.

O Espírito Santo como o segundo maior produtor de Petróleo do país, atrai oportunidades e investimentos, mas também assume responsabilidades e desafios. 

Dados da AbesPetro demonstram que o setor de petróleo e gás responde por 13% do PIB brasileiro. Trata-se de uma indústria extremamente importante para o Brasil, responsável pela geração de milhares de empregos e pela injeção de bilhões de reais em investimentos.

Segundo o Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), o Brasil é o 10º produtor mundial de petróleo e o maior produtor da América Latina, possui a 15ª maior reserva de petróleo e é o 7º maior mercado consumidor do planeta.

O Espírito Santo evoluiu é o 2º maior produtor de petróleo e 4º maior produtor de gás do país. O aumento da produção teve influência direta das descobertas do pré-sal, cuja produção teve início no ano de 2008, no campo de Jubarte.

O Estado dispõe de uma cadeia de abastecimento de petróleo e gás capacitada e competitiva, destacando o Estaleiro Jurong e a fábrica de módulos da Imetame, em Aracruz, as fábricas de tubos flexíveis da TechnipFMC, em Vitória e a de cabos flexíveis da Prysmian, em Vila Velha, além de diversos prestadores de serviços especializados.

O Fórum Capixaba de Petróleo e Gás (FCP&G), coordenado pela FINDES com participação da Petrobras, Shell, Equinor, Prysmian e Governo do Estado, vem desempenhando um papel importante para no Estado: desenvolver empresas, atrair investimentos e promover negócios. Em 2018, o FCP&G identificou 349 empresas na cadeia produtiva de P&G, ampliando a participação delas no setor, trabalhando na integração com entidades de classe e instituições de ensino, na aproximação com players e operadoras e divulgando o Espírito Santo e suas competências.

Para os próximos 5 anos, estão previstos investimentos superiores a R$ 45 bilhões, em atividades de exploração e produção, tanto no mar como em terra.  Estão em estudos diversos projetos de agregação de valor ao óleo e gás, destacando o projeto Gás para Crescer, a implantação de mini refinaria para petróleo e a constituição da companhia de gás no estado.

No Espírito Santo, além da Petrobras e da Shell, atuam outras operadoras como a Equinor, Perenco Brasil, Cowan Petróleo e Gás, Petrosynergy, Central Resources, Vipetro, Imetame Energia, Ubuntu e IPI, sendo as 4 últimas empresas capixabas.


Durval Vieira de Freitas, Gerente de Petróleo e Gás da FINDES e Coordenador do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás. Sócio-diretor da DVF Consultoria e associado da Fundação Dom Cabral desde 1998. Engenheiro Industrial Mecânico (UFF), especializado em Desenvolvimento de Negócios e Gestão Empresarial, com experiência nacional e internacional. Presidiu o CDMEC – Centro Capixaba de Desenvolvimento Metamecânico entre 1995 a 2001 e 2016 a 2018.


Leia mais

ESBrasil discute Petróleo e Gás no Espírito Santo

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

esbrasil_176
Continua após publicidade

Fique por dentro

Governo publica MP que pode destravar crédito às pequenas e médias empresas

Os bancos já emprestaram mais de R$ 900 bilhões em recursos novos, renovações e suspensão de parcelas de empréstimos.

Embraer tem prejuízo líquido de R$ 1,276 bilhão no 1º trimestre, 6 vezes maior

Segundo a empresa, os principais fatores determinantes para o aumento do prejuízo líquido ajustado foram o declínio na receita operacional aliado ao crescimento das perdas cambiais.

Especialista dá dicas para quem deseja empreender na internet

Com as medidas de isolamento, houve um aumento no mercado de compras online. Para quem ainda não está no mercado virtual de vendas, esse é o momento.

Crise econômica causada pelo novo coronavírus faz desemprego chegar a 12,6%

De acordo com o IBGE, são aproximadamente 4 milhões de brasileiros fora do mercado de trabalho nesse trimestre.

Vida Capixaba

“Chapeuzinho Vermelho” no Diversão em Cena ArcelorMittal

Produzido pela Companhia O Trem, o espetáculo terá música ao vivo, brincadeiras e muita interação: o elenco precisará da ajuda do público para contar a história.

Lugar de homem é na cozinha

A arte de combinar ingredientes e temperos tem atraído mais e mais homens Em restaurantes ou em ambientes domésticos, é cada vez mais comum ver...

Shoppings da Grande Vitória poderão abrir a partir de segunda (1º)

De acordo com a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, a decisão foi tomada durante uma reunião da Sala de Situação de Emergência em Saúde Pública do Estado, realizada hoje. 

Como montar um cantinho lúdico e organizado para as crianças

Com as crianças em casa em tempo integral, as famílias se deparam com o desafio de manter a rotina de atividades escolares e brincadeiras.
Continua após publicidade