23 C
Vitória
terça-feira, 24 novembro, 2020

Juiz bloqueia R$ 29 mi de Doria por ‘autopromoção’

Leia Também

Sicoob promove ações de educação financeira

Para ajudar aqueles que necessitam aprender como fazer uso consciente do dinheiro o Sicoob ES promove 460 ações durante a 7ª Semana Nacional de Educação Financeira, de 23 a 29 de novembro, em todo o Espírito Santo

Publicações oficiais serão padronizadas

As publicações no Diario Oficial serão padronizadas. A decisão foi anunciada através de uma portaria do Governo do Estado, por meio das Secretarias de Controle e Transparência (Secont), Gestão e Recursos Humanos (Seger) e de Governo (SEG), que estabelece normas para a padronização de publicações no Diário Oficial do Estado

Festival de Cinema de Vitória em novo formato

Com o tema Sonhar Colorido Faz Bem, o maior evento de cinema e audiovisual do Espírito Santo chega à sua 27ª edição

Campos considerou que há indícios de que Doria os princípios da impessoalidade e da moralidade administrativa

Por Pepita Ortega e Rayssa Motta (AE)

O juiz Randolfo Ferraz de Campos, da 14ª Vara de Fazenda Pública de São Paulo, determinou na segunda, 19, o bloqueio de R$ 29.411.511,92 em bens do governador do Estado João Doria. A decisão atende a um pedido feito pelo Ministério Público de São Paulo em ação de improbidade administrativa apresentada contra o tucano por suposto uso indevido de verbas públicas quando era prefeito da capital paulista.

“Despesa com publicidade com a expressividade vista no presente caso deixa aparentar a finalidade de autopromoção do gestor, ainda que não se faça expressa menção a seu nome ou à sua imagem diretamente”, registrou o magistrado na decisão.

Na ação, a Promotoria questionava a realização de publicidade do Programa ‘Asfalto Novo’ – relacionado às atividades de zeladoria da Secretaria Municipal das Prefeituras Regionais. Nessa linha, o MP-SP pedia à Justiça a concessão de liminar determinando o bloqueio de valor equivalente àquele que foi gasto com a publicidade do programa.

Ao avaliar o caso, Campos considerou que há indícios de que Doria os princípios da impessoalidade e da moralidade administrativa, podendo o então prefeito ter incorrido em ato de improbidade administrativa consistente em ‘ordenar ou permitir a realização de despesas não autorizadas em lei ou regulamento’.

Para o juiz, a ‘discricionariedade do administrador não é ilimitada e nem encontra limites apenas na letra fria da lei’. A observação foi incluída na decisão uma vez que, entre os argumentos levantados pela defesa de Doria para rebater as imputações do Ministério Público, esteve a ausência de impedimento legal para a veiculação de propaganda pelo Executivo municipal.

Na decisão, o magistrado registrou ainda que ‘a escolha administrativa por empregar montante tão elevado de dinheiro público com verba publicitária apenas na ausência de vedação expressa da legislação é, portanto, insuficiente para dar por proba a conduta do Administrador’.

“Ao que parece, procurou-se dar ares de singularidade e de ineditismo a um programa de recapeamento que pode ser visto como serviço trivial e de simples zeladoria da cidade, empregando na campanha publicitária avultada verba que chegou a mais de 20% de toda a verba utilizada no próprio serviço”, diz um trecho do despacho.

No mesmo documento, o juiz Randolfo Campos negou pedido para estender o bloqueio de bens à Lua Propaganda, agência contratada para divulgação do projeto de recapeamento e manutenção de vias prioritárias da cidade. No entendimento do magistrado, a empresa ‘apenas executou o serviço para o qual foi contratada e selecionada’.

COM A PALAVRA, O ADVOGADO MÁRCIO PESTANA, QUE DEFENDE JOÃO DORIA

A ação civil pública citada encontrava-se sem movimento desde julho de 2019 e, curiosamente às vésperas das eleições municipais, foi retomada com a apreciação da liminar requerida pelo MP.

A defesa de João Doria não concorda com os motivos e fundamentos invocados pelo magistrado para decretar a indisponibilidade dos seus bens, especialmente porque Doria jamais dilapidaria o seu patrimônio para evadir-se das suas responsabilidades.

A defesa recorrerá ainda esta semana ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo para reverter a decisão que tem caráter liminar.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Sicoob promove ações de educação financeira

Para ajudar aqueles que necessitam aprender como fazer uso consciente do dinheiro o Sicoob ES promove 460 ações durante a 7ª Semana Nacional de Educação Financeira, de 23 a 29 de novembro, em todo o Espírito Santo

Alívio nos preços do arroz no início de 2021, diz Ipea

o governo federal liberou a importação de 400 mil toneladas de fora do Mercosul com isenção da Tarifa Externa Comum (TEC)

Publicações oficiais serão padronizadas

As publicações no Diario Oficial serão padronizadas. A decisão foi anunciada através de uma portaria do Governo do Estado, por meio das Secretarias de Controle e Transparência (Secont), Gestão e Recursos Humanos (Seger) e de Governo (SEG), que estabelece normas para a padronização de publicações no Diário Oficial do Estado

Eficácia da Sputnik V chega a 95% após a 2ª dose, destaca fabricante

Os resultados foram obtidos com base na análise de dados de 18 794 voluntários, que receberam as duas doses da vacina

Festival de Cinema de Vitória em novo formato

Com o tema Sonhar Colorido Faz Bem, o maior evento de cinema e audiovisual do Espírito Santo chega à sua 27ª edição

Cidades Inteligentes, entenda o que é uma!

Você vive em uma cidade Inteligente, sabe o que é uma? esses e outros assuntos serão discutidos no Seminário de Implementação de cidades inteligentes: Uma visão do Fórum Brasileiro de IoT e seu ecossistema. O evento é gratuito e será realizado de forma on-line das 17h às 19 horas

ES Brasil Digital

Capa ES Brasil 182
Continua após publicidade

Fique por dentro

Bruno: espaço para extensão de auxílio é muito reduzido

"A medida que está reduzindo auxílio e aterrissando no Bolsa Família, a economia vai retomando", disse o secretário do Tesouro

MJ leiloa 434 cabeças de gado usado para lavagem de dinheiro

Segundo o ministério, o leilão é resultado da alienação antecipada decretada pela 7ª Vara Federal da Seção Judiciária de Mato Grosso

País quer elevar comércio com a Índia, diz Guedes

"Nossos olhos brilham como vemos acordos como o da Ásia, que integram toda a região", afirmou o ministro da economia

Guedes: transformar recuperação cíclica em autossustentável

Ministro admitiu que o governo vem falhando, porque ainda não conseguiu diminuir nem 1% nesta administração. "Falha nossa"

Vida Capixaba

Sabores da Terra começa dia 26 na Praça do Papa

Feira sabores da terra reúne 715 empreendedores de diversos setores do Estado no próximo dia 26

Influenciadores digitais criam e-book sobre Espírito Santo

Um E-book com informações turísticas do Estado foi elaborado por um grupo de nove colaboradores. O livro digital intitulado “Conheça o ES” reúne informações dos 78 municípios do Espírito Santo

Cuidados da Mente: novo modelo de negócio na saúde mental

Grupo investe em novo modelo de negócio para atendimento em saúde mental, apostando em diagnósticos mais precisos e diminuição no número de internações

Festival da Família: Diversão em Cena ArcelorMittal

Festival da família, ação é interativa e promove o desenvolvimento emocional de crianças
Continua após publicidade