24.9 C
Vitória
sábado, 15 junho, 2024

Hakimi, acusado de estupro, é convocado para amistoso com Brasil

O treinador de Marrocos foi bastante questionado após divulgar a presença do lateral-direito no amistoso e saiu em defesa de seu jogador

Amigo de Mbappé, companheiro do francês e de Neymar no Paris Saint-Germain e apontado como o melhor lateral-direito do mundo, Ashraf Hakimi estará no amistoso com o Brasil, dia 25 de março, em Tânger, apesar de enfrentar uma acusação de estupro em Paris. O jogador está na lista dos convocados da seleção de Marrocos divulgada nesta segunda-feira pelo técnico Walid Regragui.

Hakimi, de 24 anos, foi acusado de estupro por uma jovem da mesma idade no mês fevereiro, em sua casa em Boulogne-Billancourt, subúrbio de Paris. O jogador está proibido de entrar em contato com a moça, mas pode deixar a França e, portanto, vai enfrentar o Brasil, dia 25, em Tânger, e também o Peru, dia 28, em Madri.

- Continua após a publicidade -

O treinador de Marrocos foi bastante questionado após divulgar a presença do lateral-direito da lista dos convocados ao amistoso e saiu em defesa de seu jogador, passando carinho a Hakimi e dizendo que não se pode fazer um prejulgamento.

“Falei com Ashraf. Costumo falar com ele como com todos os meus jogadores. Ele está tranquilo, isso é o mais importante”, afirmou Regragui. “Estamos com ele. Existe a presunção de inocência. Até prova em contrário, nós e todos os marroquinos apoiamos Achraf. Nós o apoiamos. Ele tem que pensar no futebol primeiro e as pessoas cuidarão desses assuntos para ele”, disse

Na visão do treinador, entrar em campo servirá para Hakimi melhorar seu astrtal após as acusações. “Estamos de todo o coração com ele. Acho que vai fazer bem a ele voltar ao Marrocos, sentir o apoio. É uma pessoa forte dentro e fora do campo”, avaliou Regragui.

Grande surpresa da Copa do Mundo, na qual terminou na quarta colocação deixando Espanha e Portugal pelo caminho até perder na semifinal da França e na disputa pelo terceiro posto para a Croácia, Marrocos voltará a campo pela primeira vez para provar que não foi por acaso seu bom desempenho no Catar. Fazer um bom papel diante de um renovado selecionado brasileiro é a meta na abertura do ano.

Com informações Agência Estado

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA