18.9 C
Vitória
quarta-feira, 19 junho, 2024

De tecnologia à economia criativa, hubs aceleram negócios

Espaços servem para inovar e beneficiar cidades e empresários. Confira os números de alguns hubs no ES

Por Kikina Sessa

Eles surgiram como locais físicos para fomentar conexões entre empreendedores, startups, grandes empresas, executivos e investidores. Nesses ambientes férteis, os projetos têm maior facilidade para crescer, tanto pelo vasto networking, quanto pelo suporte para a aceleração.

- Continua após a publicidade -

No Espírito Santo, alguns hubs vêm se destacando e cumprindo com sua missão. Um deles, o Hub ES+, inaugurado há seis meses como o primeiro hub público do Estado, já atendeu mais de 3.500 pessoas. Dedicado a acolher, conectar e desenvolver a economia criativa capixaba, o ES+ contabiliza 595 horas de programação, entre palestras e eventos sobre temas da cultura e economia criativa.

A programação do Hub ES+ é gratuita e oferece oficinas, palestras e encontros culturais em várias áreas criativas e da inovação, tais como produção cultural, fotografia e audiovisual.

De tecnologia à economia criativa, hubs aceleram negóciosMoradora do Centro de Vitória, a psicanalista Regina Vieira faz parte do público atendido pelo Hub ES+. A terapeuta conta que está criando uma esteira de negócios com foco em saúde mental de forma a ampliar sua renda.

Aos 48 anos, ela está tendo oportunidade de adquirir novos conhecimentos. Um deles, a importância do cuidado com a própria imagem. As fotos usadas no perfil profissional da terapeuta foram feitas em uma aula prática no curso de fotografia com o professor Jove Fagundes.

O secretário de Estado da Cultura, Fabricio Noronha, refletiu sobre o desenvolvimento dessa cadeia cultural no Estado. “É um caminho que tem sido muito potente. A gente vem se retroalimentando das potências da cultura, das potências da inovação, para chegarmos onde estamos chegando. É uma construção de uma política pública bem complexa, bem interessante, construída de maneira colaborativa envolvendo atores da cultura, entidades, lideranças locais, envolvendo centenas de pessoas”.

Inovação e Tecnologia

Focado em inovação e tecnologia, o Findeslab, da Federação da Indústria do Espírito Santo, estimula a interação entre atores do ecossistema de inovação, como empresas, startups, instituições de ensino e de pesquisa, investidores e governos, com objetivo de impulsionar negócios inovadores. O ambiente criativo, inaugurado em 2019, está instalado no topo da sede da Findes, em Vitória.

O Programa de Empreendedorismo Industrial (PEI) do Findeslab é o maior programa de inovação aberta do Espírito Santo. Ele conecta desafios de grandes empresas, com propostas de solução apresentadas por startups. Os projetos selecionados passam pelo método de aceleração do Findeslab, tendo acesso à expertise, tecnologia e investimentos necessários para criar um produto inovador, replicável e viável, em um ambiente de alta densidade.

Por meio do PEI, em 2023 foram mobilizados mais de R$ 4,9 milhões em recursos para financiar o desenvolvimento das soluções selecionadas. Um dos casos de sucesso do PEI é a Dersalis, uma startup capixaba de biotecnologia que atua para prever situações de risco aos trabalhadores. Ela desenvolveu uma pulseira que monitora sinais vitais e comportamento de trabalhadores. A parceria foi feita com a Shell, que fechou um contrato de R$ 11 milhões para o desenvolvimento da inovação.

De tecnologia à economia criativa, hubs aceleram negócios
Evento do O Brazilian Indtechs in Germany – Foto: Divulgação

Sucesso entre as empresas de base tecnológica no ano passado, o Brazilian Indtechs in Germany (BIG) voltou neste ano com sua segunda edição. O programa, pioneiro em internacionalização de indtechs (startups voltadas para o desenvolvimento de tecnologias para a indústrias), irá selecionar dez empresas para imersão e missão de negócios na Alemanha.

Construção

Já o Base27 é um hub de inovação fundado em 2020 com foco no setor construtivo, tornando-se um marco na mobilização de atores da iniciativa privada em prol do crescimento econômico do estado e da diversificação da matriz econômica.

Ao envolver e conectar empresas de relevância, o hub facilitou discussões a respeito de desafios compartilhados, qualificação profissional, modernização e avanços tecnológicos, dentre outras temáticas fundamentais para o crescimento dos negócios.

Em 2023, passaram pelo Findeslab:

132 projetos de inovação
887 conexões geradas
78 startups conectadas
R$ 36 milhões em recursos mobilizados

Atuação Base27

100 startups conectadas
17 em startups aceleração
14 instituições de ensino conectadas
5 missões empresariais
5 reconhecimentos recebidos

Serviço

Hub ES+
O espaço fica aberto e funcionando de segunda a sábado, de 8h às 20h, equipado com salas multifuncionais e auditório, além de cabines para trabalhos individuais ou salas de reuniões disponíveis para o público. Local: Praça Costa Pereira, 30 – Centro, Vitória

Base27
Rua Leocádia Pedra dos Santos, 115, Enseada do Suá, Vitória.
De segunda a sexta, de 8h às 18h.

Findeslab
Av. Nossa Sra. da Penha, nº 2053 – Santa Lúcia, Vitória

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA